Os efeitos colaterais do coronavírus

Além disso, em sua coluna, Garcia alerta para a necessidade de despolitizar a cloroquina. "Tem que afastar a briga política para atacar o vírus."
-Publicidade-
ITA - CORONAVÍRUS/ITÁLIA - INTERNACIONAL - Médicos cuidam de pacientes infectados   com o novo coronavírus (COVID-19) na   Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do   Hospital Casalpalocco, em Roma, na   Itália, neste sábado, 11 de abril de   2020.    11/04/2020 - Foto: CECILIA FABIANO/LaPresse/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO
ITA - CORONAVÍRUS/ITÁLIA - INTERNACIONAL - Médicos cuidam de pacientes infectados com o novo coronavírus (COVID-19) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Casalpalocco, em Roma, na Itália, neste sábado, 11 de abril de 2020. 11/04/2020 - Foto: CECILIA FABIANO/LaPresse/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO
Foto: CECILIA FABIANO/LaPresse/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO

A pandemia do coronavírus vai deixar um rastro de tristeza e destruição pela perda de vidas humanas. Mas também um rombo nas contas públicas e será preciso muita competência técnica e seriedade dos órgãos fiscalizadores para que o buraco econômico não seja tão fundo.

-Publicidade-

O Brasil vai adquirir 65 mil respiradores artificiais novos. O jornalista Alexandre Garcia, em artigo publicado no jornal Gazeta do Povo no último domingo, 12, chama a atenção para o número: “As estatísticas mostram que a Itália usou 5 mil desses respiradores, o mundo usa hoje 50 mil, então por que 65 mil só para o Brasil? Será que não estão se aproveitando da situação de emergência para gastar demais?”

LEIA TAMBÉM NA REVISTA OESTE: A SOLUÇÃO QUE VENCEU A IDEOLOGIA 

Além disso, em sua coluna, Garcia alerta para a necessidade de despolitizar a cloroquina: “Tem que afastar a briga política para atacar o vírus.” E conta a história do motoboy internado na UTI do hospital no Distrito Federal, que não recebeu cloroquina porque o medicamento estava em falta. Garcia comprou a cloroquina e mandou para o hospital. Depois que o remédio foi usado, a situação do paciente estabilizou. Ainda, lembrou do caso da senhora de 97 anos, internada desde o dia 1° de abril por conta do coronavírus, que recebeu alta neste domingo após um coquetel de medicamentos composto por diuréticos, corticoides, antibióticos e cloroquina.

Em tempos de pandemia, convém deixar a ideologia à margem da ciência e lembrar que a química não tem partido político.

 

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site