Petrobras descarta demissão em massa

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirmou nesta sexta-feira, 17, que a empresa não vai praticar demissão em massa de funcionários. Ele disse, no entanto, não poder responder pela manutenção dos terceirizados.
-Publicidade-
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Presidente da empresa disse que não pode responder pela situação dos terceirizados

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
-Publicidade-

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirmou nesta sexta-feira, 17, que a empresa não vai praticar demissão em massa de funcionários.

Ele disse, no entanto, não poder responder pela manutenção dos terceirizados.

A declaração foi dada durante uma videoconferência com jornalistas, em que ele foi questionado sobre declarações de sindicalistas que falavam de corte de pessoal na estatal.

Segundo o executivo, ele enfrenta especulações acerca de demissão em massa desde que assumiu a presidência da Petrobras.

Roberto Castello Branco defendeu que a principal preocupação é com a saúde dos funcionários e com a sobrevivência da companhia.

A Petrobras tem quatro programas de desligamento voluntário, o objetivo é desligar cerca de 3,8 mil funcionários.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. Como sempre os vira-bostas (famoso pássaro parasita) do estamento burocrático com super salários, mil penduricalhos, garantia de emprego e aposentadorias nababescas passam ilesos pelas crises. O povo sempre paga a conta. Ou o povo extermina a massa podre do estamento burocrático ou acaba morrendo de fome.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site