Projeção da inflação vai quase ao dobro da meta do Banco Central

IPCA chegou a 6,86% na previsão do Relatório Focus e se distancia de patamar pretendido pelo BC para 2022
-Publicidade-
Relatório Focus concentra expectativas do mercado para a economia
Relatório Focus concentra expectativas do mercado para a economia | Foto: João Geraldo Borges Junior/Pixabay

Pela 11ª semana consecutiva, a previsão de inflação apresentou alta no Relatório Focus, divulgou o Banco Central, nesta segunda-feira, 28. A projeção do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) ficou em 6,86%, subindo em relação à última semana, quando apontava 6,59%

Neste patamar, a expectativa das instituições financeiras para a inflação do ano é quase o dobro da meta oficial do Banco Central, de 3,5%, com tolerância de 1,5 ponto porcentual.

O relatório, que semanalmente colhe impressões do mercado, ouvindo mais de 100 instituições financeiras, também aumentou a projeção de inflação para 2023 (3,8%) e 2024 (3,2%) — em ambos os casos, também acima da meta do Banco Central.

-Publicidade-

Caso o BC não consiga cumprir sua meta de inflação, como estima o mercado no retrato desta semana, este será o segundo ano consecutivo de previsão imprecisa. Em 2021, o IPCA ficou em 10%, acima do patamar estipulado pelo Conselho Monetário Nacional para o ano, de 3,75%.

O Relatório Focus desta semana também apresentou queda nas previsões a respeito do câmbio, com dólar projetado a R$ 5,25 para o final do ano. Para 2023, a moeda norte-americana tem expectativa de ficar em R$ 5,20.

Com relação à taxa de juros, o sentimento do mercado segue estável, com a projeção da Selic em 13% ao ano. A mesma expectativa do relatório da semana vale para o Produto Interno Bruto (PIB), com previsão de 0,5% de crescimento em 2022.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

8 comentários Ver comentários

  1. Inflação é um problema mundial e não se trata de desculpa quando o mundo em que vivemos hoje está todo “conectado”. O Real foi a moeda que mais valorizou no mundo esse ano e o dólar despencou. Não acho que vivemos numa maravilha.. mas precisamos refletir que se fosse o Guido Mantega e aquele governo de corrupto… estaríamos muito,. mas muito piores.

  2. E seria diferente? Com tanta incompetência, queriam que fossem diferente, quando se usurpam a renda dos trabalhadores para as elites provas apátrida, dá nisso.

    1. O governo que você gosta e defende entende bem de incompetência, né? Kkkkk é mula mesmo e só aparece aqui nas notícias mais ‘negativas’, porque nas positivas do governo prefere fingir de cego, igual ao consórcio da imprensa suja! Esse jogo já está desmascarado, demagogia e narrativa pura 🤷🏻‍♀️

    2. Incompetência somada à roubalheira generalizada foi o que o Brasil viveu na era PT.
      Só cego não vê, e de mais a mais não havia nem pandemia nem crise internacional como agora. Este governo tem feito o milagre de conseguir manter o país dentro de uma relativa normalidade, e estarmos comparativamente ao resto do mundo muito bem.
      Mas o Lula falou que a covid era uma benção que poderia livrar o Brasil do governo “genocida”. Genocida é ele, que coloca sua megalomania acima de vidas.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.