Acidente em mina de carvão na Rússia deixa ao menos 52 mortos

Segundo a administração local, um incêndio ocorreu a 250 metros de profundidade
-Publicidade-
Pelo menos 52 pessoas morreram no acidente ocorrido em uma mina de carvão russa
Pelo menos 52 pessoas morreram no acidente ocorrido em uma mina de carvão russa | Foto: Reprodução/MchsRussia

Pelo menos 52 pessoas morreram nesta quinta-feira, 25, depois de um acidente em uma mina de carvão na região de Kemerovo, localizada na região oeste da Sibéria, na Rússia. Das vítimas, 46 são trabalhadores locais, enquanto seis são bombeiros que trabalhavam no resgate.

De acordo com o departamento regional do Ministério Russo para Situações de Emergência, 285 trabalhadores estavam no local no momento do acidente. Destes, 236 conseguiram ser resgatados. As operações começaram ainda nesta manhã, mas foram suspensas em virtude dos riscos de explosão.

A administração da mina informou que um incêndio ocorreu a 250 metros de profundidade, provocado por uma explosão no sistema de ventilação. Segundo o governo local, a hipótese mais provável é de que o incêndio tenha começado após uma faísca gerar uma explosão.

-Publicidade-

Histórico de acidentes na Rússia

O último acidente grave nesta mina ocorreu em 2004, quando uma explosão matou 13 trabalhadores. Em 1981, outra explosão matou mais cinco trabalhadores, segundo a agência de notícias Tass. A Listviázhnaya, como é chamada, passou a ser explorada em 1956.

O acidente mais mortal dos últimos anos deixou 91 mortos e 100 feridos em maio de 2010, na mina Raspadskaya, também localizada na região de Kemerovo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.