Após entrar na bolsa de Nova York, China reprime aplicativo

Didi, dona da 99 no Brasil, é um dos maiores aplicativos de viagens
-Publicidade-
Aplicativo Didi | Foto: Reprodução
Aplicativo Didi | Foto: Reprodução

A China ordenou que o aplicativo da empresa Didi, controladora da 99 no Brasil, seja retirado das lojas de aplicativos chineses. A decisão foi anunciada quatro dias depois que o gigante começou a negociar na Bolsa de Valores de Nova York, tendo levantado US$ 4,4 bilhões em uma oferta inicial de ações.

A Administração do Ciberespaço da China justificou a decisão afirmando que o aplicativo teve “problemas por violar gravemente as leis de coleta e uso de informações pessoais”. A empresa informou que irá “implementar resolutamente” as demandas das autoridades.

Leia mais: “Uso de máscara na Inglaterra passará a ser uma ‘escolha pessoal’”

-Publicidade-

O diretor de geotecnologia da consultoria política Eurasia Group, Xiaomeng Lu, entende que “essas mudanças também podem ser vistas como um sinal do desconforto de Pequim com as listagens no exterior”, registra o Financial Times.

As empresas chinesas têm corrido para se listar na bolsa em Nova York este ano, tentando entrar antes que o governo norte-americano implemente novos requisitos de auditoria que dificultem o registro. As empresas da China listadas nos EUA têm três anos para cumprir uma nova lei para empresas estrangeiras.

Didi

A Didi registra mais de 377 milhões de usuários e 13 milhões de motoristas ativos anualmente na China. A empresa detém um vasto acervo de dados, desde os endereços que os usuários frequentam até contatos telefônicos e gravações de áudio de viagens de carro.

O aplicativo ainda está funcionando na China para pessoas que já o baixaram. Ele oferece mais de 20 milhões de viagens no país todos os dias, em média.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site