BioNTech sai do prejuízo com vendas da vacina anticovid

Empresa teve lucro líquido de € 3,2 bilhões no terceiro trimestre de 2021
-Publicidade-
A BioNTech tem parceria com a Pfizer para fornecer vacinas
A BioNTech tem parceria com a Pfizer para fornecer vacinas | Foto: Reprodução/Mídias sociais

A BioNTech faturou € 13,4 bilhões entre janeiro e setembro de 2021, resultado quase 100 vezes maior que os cerca de € 140 milhões registrados há um ano. A alta no caixa ocorreu em meio às vendas da vacina contra a covid-19 em parceria com a Pfizer. Os dados foram publicados pela companhia nesta terça-feira, 9.

O salto fez com que a empresa tivesse o lucro líquido de € 3,2 bilhões no terceiro trimestre de 2021, revertendo o prejuízo de € 210 milhões no ano anterior.

-Publicidade-

O governo de Mainz, capital do Estado alemão de Renânia-Palatinado, previa fechar o ano com déficit de € 36 milhões, mas, graças à injeção de capital trazida pela farmacêutica, estima um superávit de € 1,09 bilhão até o fim de 2021.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.