Câmara dos Deputados do Chile aprova legalização da eutanásia

Projeto recebeu 82 votos a favor, 58 contra e uma abstenção
-Publicidade-
Se depender dos deputados chilenos, a eutanásia será permitida no país
Se depender dos deputados chilenos, a eutanásia será permitida no país | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Câmara dos Deputados do Chile aprovou ontem, terça-feira 20, um projeto de lei que legaliza a eutanásia no país. O texto, desde 2014 à espera de avaliação do Legislativo, recebeu 82 votos a favor, 58 contra e uma abstenção. Para se tornar lei, o projeto deve ser analisado pelo Senado, que ainda não determinou uma data para o debate.

“Nesta votação, decidimos sobre os direitos de as pessoas tomarem a decisão mais difícil: terminar com a própria vida, mas diante de circunstâncias muito particulares, como uma doença que gere sofrimento que torne a vida insuportável e que não tenha tratamento médico”, disse o deputado Miguel Crispi, presidente da Comissão de Saúde da Câmara.

Leia também: “Congresso chileno irá debater legalização do aborto”

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro