China ameaça países por boicote: ‘pagarão o preço’, diz porta-voz

O Partido Comunista chinês acredita que as nações estão usando a plataforma da Olimpíada para 'manipulação política'
-Publicidade-
Wang Wenbin, porta voz do Partido Comunista falou com a imprensa nesta quinta-feira, 9
Wang Wenbin, porta voz do Partido Comunista falou com a imprensa nesta quinta-feira, 9 | Foto: Reprodução/Governo da China

A China informou que os países que anunciaram o boicote diplomático aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim vão pagar um preço caro por se juntarem aos Estados Unidos (EUA).

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores Wang Wenbin disse que as nações estão usando a plataforma da Olimpíada para a “manipulação política”.

“Eles terão que pagar o preço por seus atos equivocados”, afirmou.

-Publicidade-

Até agora, depois do anúncio feito pelos EUA, outros três países também decidiram boicotar os jogos: Austrália, Reino Unido e Canadá.

Todos anunciaram que não enviarão representantes de seus governos ao evento, marcado para ocorrer entre os dias 4 e 20 de fevereiro. O boicote é apenas diplomático e não afeta os atletas, que estão autorizados a competir normalmente.

O governo dos EUA justificou a decisão devido às perseguições contra a minoria muçulmana uigur na Província de Xinjiang e aos ataques à liberdade no Tibete e em Hong Kong promovidos pela China.

O Partido Comunista chinês está confiante que não haverá adesão de mais países ao boicote e disse que há um apoio global para os Jogos de Inverno.

“Vários chefes de Estado, líderes de governo e membros de famílias reais se registraram para participar da Olimpíada e nós vamos recebê-los”, disse Wenbin.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários Ver comentários

  1. Estes comunas chineses deveriam pagar a todos os países pelos prejuízos que causaram pelo vírus que espalharam pela terra e não ficar ameaçando países que não vão comparecer a olimpíada de inverno.
    Todos os países deveriam aderir ao boicote.

  2. O partido comunista chinês não entra em acordo com o ocidente livre. É como a Rússia. Eles fingem um “diálogo”, mas é pretexto para avançarem na diminuição da liberdade individual e dia direitos humanos.
    E não dão o braço a torcer; agora fingem serem vítimas.
    Nada de novo, os EUA certos como sempre.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.