China e Rússia espalharam fake news sobre vacinas do Ocidente

Relatório da União Europeia garante que, em contrapartida, os dois países promoveram os imunizantes que estão desenvolvendo
-Publicidade-
O presidente da Rússia, Vladimir Putin (esq), e o secretário-geral do Partido Comunista da China, Xi Jinpig (dir)
O presidente da Rússia, Vladimir Putin (esq), e o secretário-geral do Partido Comunista da China, Xi Jinpig (dir) | Foto: Pang Xinglei/Xinhua

Um relatório publicado pela União Europeia (UE) na quarta-feira 28 mostrou que a Rússia e a China semearam nas redes sociais informações falsas sobre vacinas do Ocidente contra a covid-19. De dezembro a abril, os meios de comunicação estatais dos dois países publicaram fake news em vários idiomas, fazendo ligações entre os imunizantes e as mortes na Europa. Em contrapartida, promoveram a CoronaVac e a Sputnik V como sendo superiores. “A diplomacia de vacinas russa e chinesa segue uma lógica de jogo de soma zero e é combinada com esforços de desinformação e manipulação para minar a confiança nas vacinas de fabricação ocidental”, informou trecho do documento da UE.

“Tanto a Rússia quanto a China estão usando a mídia controlada pelo Estado, redes de veículos de mídia e mídia social, incluindo contas oficiais diplomáticas nas redes sociais, para atingir esses objetivos”, salientou a papelada. Conforme noticiou a Revista Oeste, a CoronaVac tem 50,3% de eficácia no enfrentamento do coronavírus — trata-se do limite tolerado pela Organização Mundial da Saúde. Além disso, os vacinados produzem menos anticorpos que os pacientes protegidos com outros imunizantes. Nesta semana, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária negou o pedido de importação da Sputnik V por identificar a presença de adenovírus replicante, que traz prejuízos à saúde das pessoas.

-Publicidade-

Leia também: “Sputnik V: os 5 pontos que fizeram Anvisa negar importação da vacina russa”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

12 comments

  1. Fiuzza tem toda razão quanto tacha a ditadura chinesa de ser a responsável pela criação e disseminação do vírus pelo mundo. Não é à toa que são os principais fornecedores de produtos relacionados ao combate da doença. Será mera coincidência ou ação planejada?

  2. Prato cheio prá esquerda descartada pelo povo, este que hoje a globolixo, bandeirantes e CNN chamam de “gados”.
    A resistência transformará ela própria, no estrume de nós, gado.

  3. é um mercado de bilhões, algumas indivíduos não tem escrúpulos mesmos….. não se importam em matar para faturar mais…..isto é independente de ideologia…

  4. Sem falar que, durante a apresentação dos resultados da Coronavac pela Anvisa, no julgamento televisionado para decisão daquele primeiro lote em caráter emergencial e experimental, havia várias pendências e esquisitices, de cunho estatístico a biosegurança, inclusive um teste de qualidade que comprovava não haver resquício significativo de material genético do primata utilizado como matriz para a produção do IFA, nas doses. A União Europeia barrou a Coronavac.

  5. Espalhar fake news sempre foi as armas do PT. Todo comunista usa e abusa da mentira sórdida. É uma gente diabólica. Interessante é a acusação da mídia sobre fake news do outro lado. É uma piada, porque a imprensa sabe, e não é de hoje, quem detém o monopólio da mentira: PT, China, Russia, Venezuela e outros lixos vermelhos.

  6. O ocidente no triste papel de otário, cheio de regrinhas de download, fecha tudo, máscaras, testes e mais testes, ficou para trás, quebraram, e a China feliz da vida, vendeu tudo que tinha, aparelho de respiração mecânica, máscaras, vacinas, não venderam o oxigênio mas venderam todas as máquinas que o produzem, maravilha, assim os idiotas ocidentais quebraram e a China cresceu 18% no PIB, há sim, o vírus eles não cobraram.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site