Com apenas uma dose, vacina Sputnik V tem eficácia de 78,6% em idosos

É o que aponta estudo preliminar divulgado pelo governo argentino
-Publicidade-
Imunizante russo ainda não foi aprovado no Brasil
Imunizante russo ainda não foi aprovado no Brasil | Foto: Kevin David/A7 Press/Estadão Conteúdo

A vacina Sputnik V apresentou 78,6% de eficácia para evitar infecções da covid-19 após a aplicação de apenas uma dose em idosos, aponta estudo preliminar divulgado nesta quarta-feira, 2, pelo governo argentino.

O monitoramento, realizado na província de Buenos Aires, acompanhou mais de 180 mil moradores da capital da Argentina e da região metropolitana entre dezembro de 2020 e março de 2021. Cerca de 40 mil pessoas foram vacinadas. Os resultados, com a metodologia e dados completos, ainda não foram publicados em revista científica.

-Publicidade-

“O estudo indica eficácia de 78,6% para evitar casos de covid-19, de 84,7% para evitar mortes e de 87,6% para reduzir hospitalizações em pessoas de 60 a 79 anos”, escreveu, em nota, o governo de Buenos Aires.

Leia também: “Anvisa reavalia importação das vacinas Sputnik V e Covaxin”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comments

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site