Covid-19: repórter se demite da ESPN para não ser obrigada a tomar vacina

"No fim, não posso colocar um salário acima dos meus princípios", disse Alisson Williams
-Publicidade-
A repórter Allison Williams em uma transmissão para ESPN
A repórter Allison Williams em uma transmissão para ESPN | Foto: Reprodução/Redes sociais

Depois de 15 anos de trabalho, a repórter Allison Williams se viu obrigada a pedir demissão da ESPN. O Grupo Disney, detentor da empresa, determinou a vacinação obrigatória contra a covid-19 de todos os funcionários. A jornalista teme que os imunizantes possam atrapalhar seus planos de engravidar novamente. No sábado 16, ela comunicou a decisão pelo Instagram e disse que se considera “eticamente não alinhada” com a imposição.

“Além da preocupação médica sobre meu desejo de ter outro bebê e receber essa injeção, eu também sou moral e eticamente não alinhada com isso”, afirmou  Williams. “Eu tive de ir a fundo e analisar meus valores e minha moral, e ultimamente tenho de colocá-los em primeiro lugar.”

-Publicidade-

A repórter relata ter solicitado que seu caso fosse tratado como exceção, mas não obteve sucesso na demanda. Em maio, quando a determinação foi anunciada, a ESPN disse que casos excepcionais seriam analisados individualmente.

“No fim, não posso colocar um salário acima dos meus princípios”, disse Alisson. “E não vou sacrificar algo em que acredito tanto para manter uma carreira.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

25 comentários Ver comentários

  1. Uma mulher que prefere abrir mão de uma carreira em nome de uma gestação segura tem muita fibra, e assim como Kyrie Irving e Jonathan Isaac, vão escrevendo a história americana de combate ao fim das liberdades individuais.

  2. No Brasil estão fazendo o mesmo! Não temos nem como recorrer! Não temos a quem recorrer! Somos ameaçados , acuados, coagidos e pronto : ou toma a vacina ou rua!

  3. Tem gente, comentando que “não tomar vacina é coisa de bolsonaristas”. LEIA A MATÉRIA. O caso se passa nos EUA! Se o Bolsonaro falar “beba água” vai ter um monte de imbecil morrendo de sede.

  4. E os planos para o Carnaval no Brasil 2022 estão a todo vapor. Aglomerações em massa e tudo bem. Mundo hipócrita onde os políticos e Big Techs são descaradamente comprados pelas Big Pharma. Onde isso vai parar?

    1. O vírus chinês é puritano, não gosta de Carnaval… mas anota aí se na Semana Santa não acontecerá o próximo lockdown e o clamor pela quarta dose!!

  5. Parabéns Allison por sua coragem. A liberdade e a dignidade humana está acima de qualquer coisa. Principalmente, quando todos desconhecem os efeitos da tal picadinha.

  6. A decisão de tomar ou não a vacina, especialmente uma como essa, com a qual NÃO HÁ experiência de anos comprovada, é INDIVIDUAL, tanto quanto, por exemplo, a decisão de COM QUEM casar. Eu, por exemplo,tomei a vacina, mas NÃO CONCORDO que alguém seja OBRIGADO a fazer isto!

  7. Isso não são princípios, isso é ignorância, típicos de bolsonaristas. Normalmente não defende empresários, mais a CNN está correta.

  8. O mundo está entregue a essa narrativa, a este politicamente correto.
    As pessoas agora se vigiam umas às outras quanto ao uso de máscara e a quem toma ou não a vacina. O comportamento tá estranho, i sujeito anda só de carro com.a máscara, ao chegar em casa, quando vai se juntar a outras pessoas, tiram a máscara, uma loucura total.

  9. Se a maioria dos funcionários da ESPN fizessen a mesma coisa, eu queria saber o que a empresa iria fazer: fechar? Parar até encontrar substitutos? Se a população se revolta contra isso, esses idiotas que estão no poder tentando controlar o povo, com certeza não teriam o que fazer…

  10. Em todo o mundo novas vozes vão surgindo contra esta loucura de vacinação obrigatória.
    Muitos ainda vão ter que sacrificar suas carreiras e empregos para que esta histeria autoritária venha a ruir.

  11. Parabéns pela firmeza! Obrigar todos os habitantes da terra a serem “sodomizados” não se sustenta a dois ou três questionamentos! Só não enxerga quem é covarde!

  12. Ela está corretíssima. Vc não deve abrir mão de seus valores por causa de uma suposta estabilidade ou imposição de outrem. Infelizmente eles querem impor essa picada pra todos a todo o custo. Por que isso? O que está realmente por trás dessas vacinas?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.