Em 1959, Fidel Castro prometia eleições livres aos cubanos em 18 meses

Já se passaram 62 anos desde a fala do ditador e as eleições ainda não aconteceram
-Publicidade-

Pouco depois de destituir o ditador cubano Fulgêncio Batista, em janeiro de 1959, Fidel Castro concedeu uma entrevista ao programa norte-americano Face the Nation. Naquele momento, Castro tentava conquistar o apoio do governo dos EUA.

Ao apresentador, Fidel disse que as eleições em Cuba ocorreriam em 18 meses. Contudo, 62 anos já se passaram e o poder continua nas mãos da ditadura comunista. Veja, abaixo, um trecho da entrevista:

-Publicidade-

Leia também: “Em Cuba, milhares protestam contra a ditadura esquerdista”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site