Explosão em Beirute: Cruz Vermelha contabiliza 4 mil feridos e 100 mortos

Equipes de resgate libanesas seguem vasculhando os escombros à procura de sobreviventes
-Publicidade-
Explosão atinge zona portuária de Beirute, no Líbano | Foto: REPRODUÇÃO/INTERNET
Explosão atinge zona portuária de Beirute, no Líbano | Foto: REPRODUÇÃO/INTERNET | Explosão atinge zona portuária de Beirute, no Líbano | Foto: REPRODUÇÃO/INTERNET

Equipes de resgate libanesas seguem vasculhando os escombros à procura de sobreviventes

explosão em beirute
Explosão atinge zona portuária de Beirute, no Líbano | Foto: REPRODUÇÃO/INTERNET
-Publicidade-

A Cruz Vermelha informou ontem, terça-feira 4, que cerca de 4 mil pessoas se feriram por causa da explosão na zona portuária de Beirute, no Líbano. Ainda segundo a organização, outras 100 morreram. Os dados são preliminares.

Equipes de resgate libanesas seguem vasculhando os escombros à procura de sobreviventes nesta quarta-feira, 5. As autoridades do país esperam que o número de óbitos, feridos e desaparecidos aumente.

Leia também: Itamaraty informa que não há brasileiros mortos em Beirute

De acordo com o presidente do Líbano, Michel Aoun, 2,7 mil toneladas de nitrato de amônio — substância que é usada em fertilizantes e bombas — foram armazenadas por seis anos no porto, sem medidas de segurança.

Portanto, isso pode ter ocasionado o acidente. Segundo Aoun, a hipótese é “inaceitável”. E ele garante que os responsáveis serão punidos. Na manhã de hoje, uma reunião de emergência foi convocada no gabinete presidencial.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site