França e Alemanha substituem segunda dose da vacina da AstraZeneca

O objetivo é diminuir o risco de coágulos sanguíneos relacionados à vacinação
-Publicidade-
A Organização Mundial da Saúde não recomenda a mistura de imunizantes de diferentes fabricantes
A Organização Mundial da Saúde não recomenda a mistura de imunizantes de diferentes fabricantes | Foto: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo

Franceses e alemães estão recomendando a aplicação de vacinas da Moderna ou da Pfizer como substituto da segunda dose para pacientes com menos de 60 anos que receberam a primeira dose do imunizante contra a covid-19 desenvolvido pela AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford. De acordo com as autoridades sanitárias dos dois países, o objetivo é diminuir o risco de coágulos sanguíneos relacionados à vacinação. Entretanto, a Organização Mundial da Saúde não recomenda a mistura de imunizantes de diferentes fabricantes, alegando que as consequências não são conhecidas.

Leia também: “Ministério da Saúde recomenda intervalo de 3 meses entre doses da Pfizer”

-Publicidade-

A vacina AstraZeneca/Oxford não é mais utilizada em pacientes com menos de 60 anos em Portugal, Espanha e Alemanha. Na França, ela passou a ser aplicada apenas em pacientes com mais de 55 anos. Entre os 34 milhões de europeus que receberam esse imunizante, foram relatados 222 casos do efeito colateral. Segundo a  Agência Europeia de Medicamentos, o efeito adverso pode afetar, principalmente, mulheres que ainda não são sexagenárias.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site