Isis-K assume responsabilidade por ataque terrorista a mesquita no Afeganistão

Explosão deixou pelo menos 145 mortos
-Publicidade-
Ataque do Isis-K deixou pelo menos 100 mortos no Afeganistão
Ataque do Isis-K deixou pelo menos 100 mortos no Afeganistão | Foto: Reprodução/Redes sociais

O Estado Islâmico-Khorasan (Isis-K) assumiu a responsabilidade pelo ataque terrorista a uma mesquita na província de Kunduz, no nordeste do Afeganistão, ocorrido na última sexta-feira, 8. O grupo fundamentalista confirmou a informação em seus canais no Telegram.

Conforme noticiou Oeste, a explosão deixou pelo menos 100 mortos e 145 feridos. De acordo com o Talibã, trata-se de um atendado suicida que ocorreu durante as orações do meio-dia (às 4h30, no horário de Brasília), quando o templo religioso estava lotado.

Desde que assumiu o controle do país, o Talibã encontra dificuldades para garantir a segurança na região. Embora os jihadistas tenham anunciado a aniquilação do Isis-K, os ataques terroristas de autoria do braço do Estado Islâmico no Afeganistão continuam.

-Publicidade-

Leia também: “O fiasco de Joe Biden”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 74 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.