Líder terrorista comete suicídio na Nigéria

O Boko Haram matou mais de 40 mil cidadãos nigerianos
-Publicidade-
O líder do grupo terrorista Boko Haram, Abubakar Shekau
O líder do grupo terrorista Boko Haram, Abubakar Shekau | Divulgação

Abubakar Shekau, líder do grupo terrorista Boko Haram, morreu. O extremista teria cometido suicídio em 18 de maio para não ser capturado por um grupo rival. A informação foi divulgada pela France-Presse. No domingo 6, a agência francesa teve acesso a uma gravação atribuída ao Estado Islâmico da África Ocidental, onde a morte é comentada.

Leia também: “Terrorista islâmica é condenada a 30 anos de prisão na França”

-Publicidade-

Desde 2009, o Boko Haram matou mais de 40 mil cidadãos no nordeste da Nigéria e forçou o deslocamento de outros 2 milhões. A facção ainda não emitiu um comunicado com a confirmação da morte do líder e o Exército nigeriano investiga o caso.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comments

    1. Vale salientar que o principal alvo do grupo Boko Haram é de cristãos. Trata-se de terrorismo e guerra religiosos praticados por islâmicos.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site