Mortes na explosão do hotel em Cuba chegam a 26

A contagem foi divulgada pelo Granma, uma publicação oficial do governo local
-Publicidade-
O Hotel Saratoga fica em Havana, capital de Cuba | Foto: Reprodução/Redes Sociais
O Hotel Saratoga fica em Havana, capital de Cuba | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Sobe para 26 o número de mortos na explosão do Hotel Saratoga, em Havana, Cuba. A contagem é do Granma, publicação oficial da ditadura do país.

O acidente ocorreu na sexta-feira 6. Ao longo da noite, os trabalhos de remoção de entulhos e de resgate continuaram no local.

“Há 26 mortes depois da explosão no Hotel Saratoga”, afirma o Granma. Foram identificados 25. Entre eles, 4 crianças e uma gestante. Das crianças falecidas, uma tinha 10 anos, duas 15 e uma 17.”

-Publicidade-

A explosão Hotel Saratoga

O Edifício fica localizado na região conhecida como Havana Velha, no centro da capital cubana. Alguns andares ficaram destruídos. Defeitos na instalação de gás são apontados como os causadores da tragédia.

“Não foi uma bomba, nem um atentado, declarou Miguel  Díaz-Canel, presidente cubano, no local da explosão. Ele ainda lamentou a destruição e “principalmente” as mortes.

Acomodações de luxo

O Saratoga passou por um processo de modernização, com reinauguração em 2005, com 96 quartos. Originalmente, a construção data da década de 30 do século passado.

Em sua página na internet, o Hotel Saratoga exibe ambientes de luxo, com destaque para uma piscina e um restaurante no terraço, com vista para a capital cubana, além de um centro de eventos.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. A mídia não conseguiu achar que é obra da direita fascista, estão perdendo o jeito, nem conseguiram incriminar o Bolsonaro.
    Mas brincadeiras à parte uma tragédia com vítimas inocentes, que devem ser apenas turistas, uma fatalidade.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.