Nadal defende Djokovic: ‘É o mais justo’

O espanhol, principal rival nas quadras do tenista sérvio, disse que a decisão da Justiça deve ser respeitada
-Publicidade-
O tenista espanhol Rafael Nadal observou que todos são livres para tomar suas decisões
O tenista espanhol Rafael Nadal observou que todos são livres para tomar suas decisões | Foto: Reprodução/Flickr

O tenista espanhol Rafael Nadal disse nesta segunda-feira, 10, que a decisão de liberar o rival sérvio Novak Djokovic da detenção na Austrália “é o mais justo”.

Em entrevista à rádio espanhola Onda Cero, Nadal afirmou que “a Justiça falou, e ele tem o direito de participar do Aberto da Austrália”.

“Um circo foi montado em torno de muitas histórias, mas, independentemente de concordar com Djokovic, sem dúvida a Justiça falou, e ele tem o direito de participar do Aberto da Austrália, e isso é a coisa mais justa a fazer”, comentou o tenista.

-Publicidade-

Na semana passada, Nadal disse que todos são livres para tomar suas próprias decisões, “mas que há consequências”, apontou, ao afirmar que era preciso seguir as regras do país.

Como mostrou Oeste, a Justiça australiana concedeu o direito de Novak Djokovic entrar no país e disputar o Aberto da Austrália.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.