OMS rebate China sobre investigação da origem do coronavírus

Partido Comunista rejeitou fazer parte da segunda fase de pesquisas da entidade de saúde
-Publicidade-
O diretor da OMS, Tedros Adhanom, e o secretário-geral do PCC, Xi Jinping | Foto: Naohiko Hatta/Getty Images/OMS
O diretor da OMS, Tedros Adhanom, e o secretário-geral do PCC, Xi Jinping | Foto: Naohiko Hatta/Getty Images/OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou nesta sexta-feira, 23, que todos os países têm de trabalhar juntos para descobrir a origem do coronavírus. O anúncio ocorreu um dia depois de o Partido Comunista da China (PCC) rejeitar a segunda fase do plano da OMS de apurar a gênese da covid-19. “Não se trata de política ou de um jogo de culpados”, declarou Tarik Jasarevic, porta-voz da OMS, em uma reunião da ONU em Genebra.

Conforme noticiou a Revista Oeste, ontem, Zeng Yixin, vice-ministro da Comissão Nacional de Saúde da China, disse em uma entrevista coletiva em Pequim que ficou “surpreso” ao ver a possibilidade do vazamento de laboratório listado como um objetivo de pesquisa da OMS: “Esperamos que a OMS analise seriamente as considerações e sugestões feitas por especialistas chineses e trate a origem da covid-19 , sem interferência política.”

Leia também: “O jogo do gigante”, reportagem publicada na Edição 58 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários

  1. Ora, o que é isso senão uma confissão de culpa? A China não precisa ser convencida, precisa ser enquadrada e punida. Infelizmente, a própria OSM (mais especificamente o senhor Tedros Adhnaom) é cúmplice dessa ópera bufa.

  2. Já imaginaram o furdunço, se ao invés da china, fosse o Brasil do Bolsonaro que tivesse jogado essa praga para o mundo e ainda se negasse a ser transparente e colaborar ? O mundo está contaminado de hipócritas, desonestos cheios de sextas intenções.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro