ONU acusa Talibã de ter matado quatro em protesto pacífico no Afeganistão

Milicianos têm reprimido as manifestações de forma cada vez mais violenta, afirma a entidade
-Publicidade-
Milicianos do Talibã têm reprimido com violência manifestações em vários pontos do país
Milicianos do Talibã têm reprimido com violência manifestações em vários pontos do país | Foto: Shutterstock/Trent Inness

A Organização das Nações Unidas (ONU) acusou o Talibã, milícia que retomou o poder no Afeganistão depois de 20 anos, de ter matado pelo menos quatro manifestantes que participavam de um protesto pacífico no país contra o regime implantado pela milícia.

Ainda segundo a entidade, o Talibã tem reprimido de forma cada vez mais violenta as manifestações em várias regiões afegãs.

Leia mais: “Talibã espanca dois jornalistas que cobriam manifestação de mulheres”

-Publicidade-

“Pedimos aos talibãs que parem imediatamente de usar a força e as detenções arbitrárias contra quem exerce seu direito de protestar pacificamente e contra jornalistas que cobrem essas manifestações”, afirmou a porta-voz do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos, Ravina Shamdasani.

Leia também: “Primeiro voo de resgate sai do Afeganistão desde a retirada dos EUA”

“Qualquer uso da força deve ser um último recurso em resposta às manifestações e deve ser estritamente necessário e proporcional”, prosseguiu a porta-voz da ONU. “As armas de fogo nunca devem ser usadas caso não seja em resposta a uma ameaça mortal iminente.”

Leia também: “Eles venceram”, artigo de Dagomir Marquezi publicado na Edição 77 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro