Quem matou o presidente do Haiti?

Jovenel Moïse era acusado de autoritário, corrupto e ligado ao crime
-Publicidade-
Jovenel Moïse, em sua posse, em 2017 | Foto: Igor Rugwiza/UN/Minustah
Jovenel Moïse, em sua posse, em 2017 | Foto: Igor Rugwiza/UN/Minustah

A investigação sobre o assassinato, na última quarta-feira, do presidente do Haiti, Jovenel Moïse, continua apresentando um cenário confuso. Três suspeitos pelo assassinato foram mortos pela polícia e 17 outros (15 colombianos e dois norte-americanos/haitianos), presos.

O Wall Street Journal resumiu a situação até agora:

    -Publicidade-
  1. O assassinato ocorreu na última quarta-feira, dia 7, por volta de 1 hora da madrugada. Os assaltantes amarraram os funcionários e seguranças do presidente e atiraram nele doze vezes com armas de grosso calibre.
  2. Depois do ataque, onze dos suspeitos tentaram se refugiar na Embaixada de Taiwan, mas os diplomatas chamaram a polícia.
  3. O presidente Jovenel Moïse estava envolvido num escândalo de corrupção, e o país estava caindo em mais um ciclo de violência e decadência econômica.
  4. Moïse enfrentava protestos por se negar a deixar o poder quando seu mandato terminou, em fevereiro.
  5. O presidente governava por decreto desde 2020, depois de postergar as eleições legislativas e tentava reescrever a Constituição do Haiti.
  6. Seu governo estava ligado à ascensão de gangues criminosas no país.
  7. O chefe de polícia afirmou que 30 mercenários estrangeiros estavam envolvidos no ataque ao presidente e portavam pelo menos doze passaportes colombianos.
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site