Rússia acusa Facebook de bloquear conteúdos e violar ‘soberania digital’ do país

Ministério das Relações Exteriores diz que empresa desrespeita a legislação local
-Publicidade-
Facebook entrou na mira das autoridades russas
Facebook entrou na mira das autoridades russas | Foto: Canva

O governo russo acusou o Facebook, nesta segunda-feira, 8, de violar os direitos dos cidadãos por meio do bloqueio a alguns veículos de comunicação do país, informa a Reuters.

O órgão regulador da Rússia para o setor de comunicações ameaçou multar a empresa em 1 milhão de rublos (cerca de US$ 13,4 mil ou R$ 77,8 mil) pelos supostos bloqueios de conteúdo.

-Publicidade-

Leia também: “Austrália aprova lei que obriga Facebook e Google a pagar por notícias”

Segundo as autoridades russas, a plataforma bloqueou o acesso a posts publicados pela agência de notícias russa TASS, além da publicação de negócios RBC e do jornal Vzglyad. As reportagens tratavam da detenção de supostos apoiadores de um grupo extremista ucraniano.

Leia mais: “Facebook fecha o cerco sobre a Austrália”

“Consideramos isso inaceitável. Isso viola nossa legislação nacional”, afirmou Vyacheslav Volodin, presidente da Câmara dos Deputados da Rússia e correligionário do presidente Vladimir Putin.

No fim do ano passado, o Parlamento russo aprovou leis que endurecem a fiscalização sobre as grandes empresas de tecnologia. “Elas operam em nosso ambiente, mas ao mesmo tempo não obedecem nenhuma lei russa”, criticou a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Maria Zakharova, à agência de notícias RIA.

Até o momento, o Facebook não se manifestou sobre as acusações do governo russo.

Leia também: “Muito além do Facebook e do Twitter”, artigo de Dagomir Marquezi na Edição 49 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.