Vacina da Johnson & Johnson tem 87% de eficácia contra variante brasileira

É o que apontam os dados divulgados pelo laboratório belga Janssen, que pertence à multinacional norte-americana
-Publicidade-
A vacina da Johnson & Johnson está sendo cobiçada por muitos países
A vacina da Johnson & Johnson está sendo cobiçada por muitos países | Foto: Kevin David/A7 Press/Estadão Conteúdo

Dados divulgados pelo laboratório belga Janssen, pertencente à multinacional norte-americana Johnson & Johnson, apontam eficácia de 87% de sua vacina anticovid-19  contra formas graves da variante brasileira do novo coronavírus. O imunizante, cobiçado no mundo todo por ser de dose única, foi aprovado para uso emergencial na União Europeia (UE) ontem, quinta-feira 11, com eficácia de 67% contra todos os casos sintomáticos. “Constatou-se, de forma geral, uma alta eficácia de 81% contra formas graves da doença provocada pela variante sul-africana, enquanto a eficácia contra as formas graves de covid-19 da variante brasileira foi de 87%”, informou, em entrevista à agência Ansa, o chefe de doenças infecciosas e vacinas da Janssen, Johan Van Hoof. A empresa, no entanto, ainda não apresentou os estudos clínicos por trás desses números. Além da UE, a vacina do laboratório belga já está aprovada para uso emergencial nos Estados Unidos. O imunizante usa um adenovírus de resfriados inativo para carregar as instruções genéticas para a produção da proteína spike, espécie de coroa de espinhos que o Sars-CoV-2 utiliza para atacar as células humanas. As ampolas podem ser mantidas em temperatura entre 2 e 8 graus por até três meses.

Leia também: “‘Anvisa’ da UE recomenda aprovação da vacina da Johnson”

-Publicidade-

Com informações da revista Época Negócios

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.