Alcolumbre livra do impeachment ministros do STF

Trinta e seis pedidos contra os juízes da Corte foram engavetados
-Publicidade-
Demista está de saída do comando do Congresso Nacional
Demista está de saída do comando do Congresso Nacional | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), arquivou todos os pedidos de impeachment contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e o procurador-Geral da República, Augusto Aras. Ao todo, 38 processos foram engavetados, em 22 de dezembro, último dia do ano legislativo. Do total, 36 ações miravam os juízes do STF, informou o jornal O Globo — sendo 17 só nas costas de Alexandre de Moraes, relator do inquérito inconstitucional das fake news e da investigação ilegal que apura supostos atos antidemocráticos. Os documentos ficaram na mesa de Alcolumbre durante o tempo em que os magistrados decidiam acerca da reeleição da Mesa Diretora do Congresso Nacional. No fim, o Supremo impôs um revés aos presidentes da Câmara e do Senado.

Leia também o artigo de J.R. Guzzo: o STF é quem dá as cartas no Brasil

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.