Atriz cancela peça de teatro em protesto contra Moro

Teatro reagiu à atitude
-Publicidade-
O ex-ministro não se pronunciou
O ex-ministro não se pronunciou | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro se tornou alvo da atriz global Ana Beatriz Nogueira. Produtora da peça de teatro Um Dia a Menos, ela anunciou o cancelamento da atração no Teatro dos Quatro, no Rio.

A razão para a atitude de Ana Beatriz: o local sediou o lançamento do mais recente livro de Moro, Contra o Sistema e a Corrupção. “Estou cancelando a minha estreia em janeiro”, anunciou a atriz, no Instagram, na sexta-feira 10.

“Eu cancelaria a temporada, arcando com qualquer coisa que fosse de minha responsabilidade”, declarou Ana Beatriz, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, ao informar que a peça vai ocorrer no Teatro Petra Gold, no Leblon.

-Publicidade-

O Teatro dos Quatro reagiu à decisão. Em uma nota de esclarecimento, a direção comunicou que “o espaço é pautado pela liberdade de expressão e pensamento e que jamais censura ou limita qualquer manifestação”.

“O evento em questão é uma realização independente de uma editora que contratou o espaço para fazer o lançamento de um livro. Para nós, trata-se de uma relação pontual e comercial, assim como tantas outras”, salientou a nota.

A postagem de Ana Beatriz contra Moro

Com a palavra, o Teatro dos Quatro

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

19 comentários Ver comentários

  1. Fiquei dividida, por um lado eu reprovo totalmente essa atitude desses artistas esquerdopatas que fazem esses tipos de protestos ridículos, mas, por outro lado, eu também não iria querer estar perto do marreco traidor, então, que se entendam! Sobre o livro, pensar que um tempo atrás eu até compraria mas, agora, só serviria para papel higiênico, imagina as mentiras que tem ali?

    1. Com certeza.
      Este senhor que prega no mercado apinhado se posiciona como arauto do combate à corrupção.
      Tá tudo muito bom, tá tudo muito bem, mas eu queria realmente, eu queria realmente saber a posição dele sobre a descondenação do molusco, sobre os arbítrios e o ativismo judicial do stf (só volta a ganhar caixa alta quando merecer) e a desconstrução da lava-jato.

  2. Essa atriz alcançou seu objetivo: alcançar destaque pelo menos junto aos leitores da Revista Oeste. Espero que se destaque por outros motivos.

  3. Bom, primeiro precisei procurar quem é a atriz, depois me perguntei se deve ter gordura Rouanet acumulada, já que pode se dar ao luxo de cancelar estréia, confesso que não sei nada sobre as duas questões.
    Mas já que virou notícia acredito que alcançou seu intento.

  4. Moro é apenas um curinga na mão do Deep State, foi usado na hora errada quando foi lhe dada ordem de mostrar sua verdadeira face tentando derrubar Bolsonaro e permitindo homens fortes e vigorosos prenderem trabalhadores e espancarem Donas de casa em praça pública. Aquilo ali é um degeto escrotado pelo DeepState que ninguém mais quer, é uma pena o Lula e Dilma se aliarem até com o Diabo pq pior que bandido contumas é aplicador da lei corrompido pq com esse tipo ninguém consegue lhe acudir!

  5. Atriz meia-boca, atitude totalmente condizente com o nível intelectual dela (zero).
    Esse pessoal acha que é importante, kkkkkkkk.

  6. São estes os que se autointitulam “democratas” na luta contra os “fascistas”. São os mesmos do ‘Nao vai ter golpe’, do ‘Ele não’, da ‘resistência’, da “luta pela democracia”… Essa turminha do cancelamento, que só tolera “os iguais”. Alguém pergunta, por favor, se ela também vai cancelar o contrato dela com a emissora que apoiava o regime militar…

  7. É pelo jeito o “Morno” jogou mal sua fichas, a esquerda que ele tanto puxa saco lhe odeia e a direita o abomina, o centro? Bom o centro não passa de ser o centro do cú dos esquerdista enrustidos!

  8. Isso é obscurantismo. Próprio das esquerdas. Espaços não são bons ou ruins porque locaram sua ocupação, não importa para quem. Caminhamos para um abismo de irracionalidade. As esquerdas globais vão à frente com estandarte nas mãos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.