Banqueiros não romperam com Bolsonaro, diz vice-presidente do Bradesco

Fala ocorreu durante evento realizado pelo grupo empresarial Esfera Brasil, em São Paulo

A Oeste depende dos assinantes. Assine!

-Publicidade-
O presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Anderson Riedel/PR
O presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Anderson Riedel/PR

O vice-presidente do Banco Bradesco, André Rodrigues Cano, afirmou que não existe qualquer tipo de rompimento na relação entre banqueiros e o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL). A fala ocorreu durante evento realizado pelo grupo empresarial Esfera Brasil em São Paulo, na sexta-feira 19, que reuniu autoridades como o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), o ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli, o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP), e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD).

No evento, um grupo de jornalistas estrangeiros perguntou ao vice-presidente do Bradesco se o empresariado iria acompanhar Bolsonaro como ocorreu na eleição anterior. “Não sei dizer. Falo pela minha empresa, o Bradesco. Não temos qualquer tendência política”, disse Cano. “Trabalhamos com o governo que tiver, não temos qualquer preferência por A ou B.” O grupo também perguntou se o empresariado havia rompido com Bolsonaro. “Não rompeu”, afirmou Cano. “Ele inclusive esteve na Febraban recentemente, foi muito bem recebido, tratou todo mundo bem. Não há qualquer tipo de rompimento”.

Cano se referiu ao encontro de Bolsonaro com representantes da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e da Confederação Nacional das Instituições Financeiras no início deste mês. Na reunião, Bolsonaro falou sobre a economia brasileira e criticou a ascensão da esquerda no Chile e na Colômbia. Ele também disse que os banqueiros deveriam julgá-lo por suas atitudes, e não assinar “cartinhas”. O chefe do Executivo se referia ao manifesto elaborado pela Universidade de São Paulo e assinado por banqueiros e políticos.

-Publicidade-

Ainda durante o evento do Esfera Brasil, o grupo de jornalistas estrangeiros perguntou a Cano se o empresariado tinha alguma preocupação com o futuro da democracia. “Não, não temos preocupação”, afirmou o vice-presidente do Bradesco.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

21 comentários Ver comentários

  1. Preocupação com o futuro da democracia devem ter ser se a ORCRIM vermelha vencer, só não enxerga isso quem não quer ou deficiência de neurônios.

  2. Somente um banqueiro estupido, cujo Q.I. seja a metade do Q.I de uma samambaia de plástico, e sua capacidade de análise seja 1/3 de um debilóide apoiaria esse esquerda Trotkistas e Revolucionaria que temos. O povo, pelo que vejo, NAO aceitará as loucuras do pt novamente.

  3. PJ não tem ética, não tem posição política ou ideologia. PJ busca lucro, e isso é ótimo.
    Quem misturar as coisas está indo pelo caminho errado.
    Agora, o dono, CEO, executivos etc, enquanto pessoas físicas podem ter a posição que quiserem, e seu voto vale tanto quanto o de qualquer um.

    1. “Agora, o dono, CEO, executivos etc, enquanto pessoas físicas podem ter a posição que quiserem, e seu voto vale tanto quanto o de qualquer um.”
      Contudo temos alguns estúpidos como da família Trajano, que julgaram estratégico tomar posição com a sua antes grande e-commerce Magalú – Magazine Luiza, e como gostaram de aparecer, andam implorando na mídia tradicional que compremos seus “carnês” e promoções. Já era.
      Na capela do Colégio Santo Agostinho e nos veículos dos párocos, decidiram igualmente – congregação instalada a anos no coração do bairro de Lourdes região de alto poder econômico ao lado do hospital Mater Dei e shopping Diamond – declararem através de faixa sua preferência. No colégio do mesmo nome já se tentou implantar banheiros comuns para os meninos e meninas se confraternizarem!!!
      Verão em breve o resultado de suas atitudes insanas!!!

  4. Mas parece que não se importam porque têm certeza de que Bolsonaro será reeleito. Nessas circunstâncias, fácil responder como respondeu o banqueiro

  5. Cancelei meu American Express e não me arrependo. Contas em Bradesco e Itaú ou Santander nunca tive. Compro com fatura mensal em torno de 40mil reais.
    Tenho um Toro e não comprarei mais carros Fiat.
    Nunca mais comprei filtro Mellita.
    A globolixo, assim como a Itatiaia em BH, foram substituídos pela Jovem Pam a mais de ano.
    Priorizo o Mercado Livre e nunca comprei na Magalu.
    Shows de artistas medíocres no palco como Chico Buarque, nesta não caio mais.
    Os estúpidos estão entrando pelo “cano”
    O mal nunca vencerá o bem.
    Em breve concluirão os incautos que levaram o Zé Dirceu à sério só porque ele joga fora das 4 linhas, que não podiam pactuar com a safadeza.
    NÓS CLASSE MÉDIA NÃO ACEITAMOS E NUNCA ACEITAREMOS LULA SOLTO, E QUE O SANEAMENTO DAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS SEJA POSTERGADO.

      1. O homem mais puro do Universo merece nota 10 em honestidade. Olhem aí o diploma : 👹 10HONESTO

  6. Imagina um litigio qq entre um juiz e um banco grande e esse juiz – vítima – investigando, julgando e mandando prender algum banqueiro, rs ,rs.

  7. Banqueiro inteligente jamais ira compactuar com desgovernos da esquerda maldita, pois bem sabem que serao suas vitimas futuras no debacle economico financeiro do sistema bancario nao e mesmo?

  8. a balança sempre pendeu pro PR, agora, veremos mais posicionamentos a favor da reeleição, na industria, comércio e bancos, nao existem bobos.

  9. Se a direita e os bolsonaristas resolverem fechar suas contas no Bradesco o banco vai falir. É bom ele pensar bem o que vai dizer. E é bom eles agradecerem ao melhor ministro da economia do mundo que é o Paulo Guedes, graças a ele nossa economia está bombando e deste modo os bancos também faturam e muito. Aliás já passou da hora de termos só meia dúzia de bancos no Brasil. Precisamos acabar com esse oligopólio.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.