Bolsonaro sanciona lei que endurece penas para golpes virtuais

Proposta torna mais graves crimes de violação de dispositivo informático, furto e estelionato cometidos de forma eletrônica
-Publicidade-
Jair Bolsonaro o PL 4.554/2020
Jair Bolsonaro o PL 4.554/2020 | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o Projeto de Lei (PL) 4.554/2020, que endurece as punições previstas no Código Penal para crimes cometidos por meio de dispositivos eletrônicos. A lei torna mais graves os crimes de violação de dispositivo informático, furto e estelionato cometidos de forma eletrônica ou pela internet.

Com a nova legislação, a pena para o crime de invasão de dispositivo informático passou de um a quatro anos de reclusão e multa. Anteriormente, a punição era detenção de três meses a um ano e multa.

“A sanção presidencial visa a tornar a legislação mais rigorosa, a fim de proteger os consumidores e as instituições contra os ilícitos cibernéticos, tendo em vista o quantitativo relevante de prejuízos causados por este tipo de atos criminosos”, afirmou a secretaria-geral da Presidência da República.

-Publicidade-

Com informações do portal G1

Leia também: “O ‘deepfake’ chegou para ficar”, reportagem de Dagomir Marquezi publicada na Edição 51 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.