Brasil Paralelo estreia filme sobre crise dos três Poderes

Produção reúne depoimentos de ex-ministros do STF sobre momento de tensão entre Executivo, Judiciário e Legislativo
-Publicidade-
<i>A Crise dos 3 Poderes</i>, novo filme da Brasil Paralelo, estreia em 1º de agosto
A Crise dos 3 Poderes, novo filme da Brasil Paralelo, estreia em 1º de agosto | Foto: Divulgação

A Brasil Paralelo estreia, na próxima segunda-feira, 1º, novo filme, chamado A Crise dos 3 Poderes, que promete dissecar o momento de turbulência do país, às vésperas das eleições de outubro.

A premissa do filme é: como chegamos até aqui? O documentário se propõe a explicar a tensão crescente entre o Poder Executivo e o Supremo Tribunal Federal (STF), com participação do Congresso no meio de impasses diversos.

“O objetivo do filme A Crise dos 3 Poderes é fazer uma investigação séria e plural sobre a origem e a essência das nossas instituições e das melhores práticas democráticas”, afirma a Brasil Paralelo, sobre a nova produção.

-Publicidade-

O documentário apresenta visões de juristas, advogados, cientistas políticos e alguns ex-integrantes do Supremo Tribunal Federal, como Ayres Britto e Nelson Jobim. O ex-presidente Michel Temer (MDB) também concede depoimento ao filme.

A produção tem direção de Lucas Ferrugem e roteiro de Flavio Morgenstern, Marcus Vinícius Lins e Rodrigo Fracarolli.

A primeira parte do filme estreia às 20 horas da segunda-feira 1º, apenas para assinantes da Brasil Paralelo, por meio da plataforma de streaming da empresa.

Veja, abaixo, o trailer de A Crise dos 3 Poderes:

Leia também: O Brasil da barbárie, artigo de Bruno Freitas na Edição 117 da Revista Oeste.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.