Com vetos parciais, Bolsonaro sanciona o Orçamento de 2021

O ministro Paulo Guedes orientou o presidente a alterar o texto original
-Publicidade-
Ministérios sofrerão cortes
Ministérios sofrerão cortes | Foto: Divulgação/Agência Brasil

A Lei Orçamentária Anual de 2021 (LOA) foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro na quinta-feira 22. Publicado no Diário Oficial da União na madrugada de hoje, o texto permite ao governo gastar R$ 4,3 trilhões. O Planalto decidiu vetar trechos da medida, entre elas, as emendas parlamentares no valor de R$ 11,9 bilhões e as despesas não obrigatórias da União da ordem de R$ 7,9 bilhões, que incluem custeio e investimentos. O chefe do Executivo fará, ainda, um bloqueio adicional de R$ 9 bilhões nas emendas indicadas pelos congressistas. No entanto, poderá liberá-las futuramente, caso haja espaço fiscal para isso. O tamanho total do ajuste visto como necessário pelo Ministério da Economia se aproximou dos R$ 29 bilhões.

Bolsonaro desconsiderou, também, o ponto da LOA que tratava da criação de novos cargos na Polícia Militar e no Corpo de Bombeiros do Distrito Federal. As categorias são custeadas com o dinheiro dos pagadores de impostos. O documento aprovado pelo presidente admite cortes em ministérios, cujas verbas serão destinadas a deputados e senadores. Em live transmitida na noite de ontem, o presidente afirmou que, caso mantivesse os dispositivos originais, estaria cometendo crime de responsabilidade. O ministro Paulo Guedes orientou Bolsonaro a alterar a medida inicial, que previa despesas além do teto de gastos — o mecanismo de austeridade fiscal impede que o governo fique endividado.

-Publicidade-

Leia também: “O orçamento da insensatez”, artigo de Ubiratan Jorge Iorio publicado na Edição 55 da Revista Oeste

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site