Depoimento de Eduardo Pazuello é remarcado para o dia 19

A nova data foi decidida em consenso com o Comando do Exército e anunciada pelo presidente da CPI da Covid, Omar Aziz
-Publicidade-
O general Eduardo Pazuello vai depor à CPI da Covid no dia 19
O general Eduardo Pazuello vai depor à CPI da Covid no dia 19 | Foto: Tony Winston/MS

O presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM), acaba de anunciar que o depoimento do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello está remarcado para o dia 19 de maio.

A nova data foi decidida em consenso com o Comando do Exército. Como noticiamos mais cedo, o general comunicou que teve contato com pessoas que testaram positivo para a covid-19 e, por isso, não poderia comparecer presencialmente ao depoimento inicialmente marcado para quarta-feira 4.

Já a oitiva do também ex-ministro Nelson Teich, que seria nesta tarde, foi transferida para amanhã, a partir das 10 horas.

-Publicidade-

Leia mais: “Pazuello vai depor presencialmente, determina presidente da CPI”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

  1. Penso que a boa imprensa poderia produzir matéria que comparasse a letalidade média hospitalar, dos internados com COVID nos hospitais privados incluindo Prevent Senior, e nos hospitais públicos e de campanha. Entrevista concedida em Março a BandNews, pelo dir. geral do hosp. Sírio Libanês de SP, dr. Paulo Chap Chap demonstrou como conquistou a baixa letalidade de 4% para pacientes internados, e de 12% para os casos graves. Para tanto, contratou e preparou mais de 700 profissionais de saúde, e ampliou mais de 100 leitos. Ora, se os Estados receberam vultosos aportes do governo federal para tratamento desta grave doença, e sabendo que o Estado de SP é o centro de referência médica e hospitalar do País, por que não temos aproximados resultados nos hospitais públicos? Assim, podemos concluir quem são os verdadeiros genocidas, fornecendo esta matéria para o ex ministro da saúde Pazuello e a senadores honrados e sérios levarem à esta CPI ELEITORAL DOS RANDOLFES.

  2. O general sabichão da logística amarelou, virou marica do presidente, andando sem máscara, participando de evento em Manaus sem máscara e agora vem com essa obra arquitetada, sua hora vai chegar, pazadelo, que vergonha para o Exército Brasileiro, ter nas fileiras um massa de manobra: um manda,o outro obedece=submissão para o expulso do exército: tenente virou capitão de pijama. Essa é a nova política. Vergonha nacional.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro