Deputado Alexandre Frota gasta R$ 25 mil em parecer da CPMI das ‘fake news’

Mesmo tendo ao seu dispor 10 assessores que custam R$ 95 mil ao mês, parlamentar encomendou estudo externo
-Publicidade-
Frota pagou R$ 25 mil por serviços parlamentares | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Frota pagou R$ 25 mil por serviços parlamentares | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Mesmo tendo ao seu dispor 10 assessores que custam R$ 95 mil ao mês, Alexandre Frota gasta com estudo externo relacionado às investigações

Frota pagou R$ 25 mil por serviços parlamentares | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) gastou R$ 25 mil da Câmara, em fevereiro, para que um corpo de advogados confeccionasse “estudo e parecer” para ser apresentado à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPMI) das Fake News.

-Publicidade-

Esse pedido de ressarcimento ocorreu por meio da Cota de Auxílio por Atividade Parlamentar (CEAP). Entre as funções primordiais de um deputado federal está justamente a confecção e análises de pareceres sobre pautas em tramitação na Câmara e investigações como a CPMI.

Entretanto, é comum na Casa que o deputado seja assessorado por sua própria equipe técnica. Frota tem 16 assessores parlamentares; dez deles em atividade. Por mês, a Câmara gasta R$ 95,7 mil com a manutenção do corpo técnico do parlamentar.

O estudo e parecer foi encomendado a um escritório de advocacia de São Paulo. Os serviços, segundo a nota fiscal apresentada pelo deputado, ocorreram durante os meses de janeiro e fevereiro.

Confira a nota fiscal

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. Corram, que a CNN acabou de denunciar a Joice por criar Fake News com verbas de gabinete!!! Os próprios funcionários da Joice fizeram as denúncias.
    #JoiceÉFake

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.