-Publicidade-

Doria põe SP na fase vermelha aos fins de semana

Também a medida valerá para todas as noites; apenas os "serviços essenciais" poderão funcionar
Nessa etapa do plano de contingência do coronavírus, as medidas são mais restritivas
Nessa etapa do plano de contingência do coronavírus, as medidas são mais restritivas | Foto: Divulgação/GESP

Até 8 de fevereiro, o Estado de São Paulo entrará na fase vermelha todas as noites (a partir das 20h até as 06h) e aos fins de semana, anunciou o governador João Doria (PSDB) nesta sexta-feira, 22. A medida, que passa a vigorar a partir da segunda-feira 25, vai abranger os feriados, como o do aniversário da capital paulista.

Aos sábados e aos domingos, o isolamento entra em vigor de dia e de noite. Ideia semelhante foi aplicada por Doria em dezembro passado, para tentar convencer a população a não se aglomerar nas festas de Natal e réveillon. O Estado entrou na fase vermelha nos dias 25, 26 e 27 do último mês de 2020 e 1º, 2 e 3 de janeiro deste ano.

Na ocasião, a Revista Oeste revelou que Doria viajou a Miami um dia depois do decreto. A atualização de hoje será a terceira da gestão tucana em apenas 15 dias, o que é inédito no Estado desde o início do surto de coronavírus. Na fase vermelha, só podem abrir os setores considerados essenciais.

Plano de Contingência da Covid-19

doria
Fonte: Divulgação/Secretaria estadual da Saúde de São Paulo
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

5 comentários

  1. Já se viu que estas medidas não surtem efeito, vide os números da pandemia. Mas como dizem por aí, “a maneira mais segura de se conseguir o mesmo resultado é fazer tudo da mesma forma repetidas vezes”.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês