Doria diz ter plano alternativo de vacinação se não houver acordo com Saúde

Governo de São Paulo aguarda a liberação de R$ 1,9 bilhão pelo governo federal para ampliar a produção da Coronavac
-Publicidade-
Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) | Foto: Governo do Estado de São Paulo
Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) | Foto: Governo do Estado de São Paulo

Governo de São Paulo aguarda a liberação de R$ 1,9 bilhão pelo governo federal para ampliar a produção da Coronavac

Doria
Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) | Foto: Governo do Estado de São Paulo
-Publicidade-

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta segunda-feira, 21, que o governo do Estado tem um plano alternativo de vacinação contra a covid-19 caso não seja feita a distribuição do imunizante pelo SUS.

O tucano disse preferir acreditar em um plano nacional que envolva o Ministério da Saúde.

LEIA MAIS: “Brasil, um pugilista que não vai a nocaute”, na edição desta semana da Revista Oeste

O governo de São Paulo aguarda a liberação de R$ 1,9 bilhão pelo governo federal para ampliar a produção da CoronaVac, vacina em desenvolvimento pelo Instituto Butantan e pela farmacêutica chinesa Sinovac.

“O que eu posso garantir é que os brasileiros que residem em São Paulo não vão ficar sem a vacina”, disse Doria durante entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

O governador porém ressalvou: “Tenho certeza de que o Ministério da Saúde não caminhará, não trilhará um caminho ideológico, partidário e eleitoral. Seria um gesto muito condenável que prefiro nem me referir a ele por acreditar que não venha a ser praticado”.

Doria também voltou a defender a ideia de que a imunização seja compulsória e disse que os cidadãos só poderão ser liberados da vacinação caso apresentem laudo médico contrário.

Com informações do Estadão Conteúdo

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

9 comments

  1. Dorinha calcinha,vc não entendeu que o governo federal não vai te dar dinheiro e que NINGUEM quer tomar essa vacina Ching Ling? ABAIXA A CALCINHA E TOMA SOZINHA.

  2. Além de traidor, covarde e incompetente, o LulaDória sempre foi um mercenário. Certamente já se comprometeu com o partido comunista chinês e agora vai ter de dar um jeito de desovar essa vacina para receber sua parte.

    1. A vacina contra o covid 19 deverá ser obrigatoriamente testada e aprovada por organismos internacionais isentos de politicagem e outros interesses. E deverá ser demonstrada a capacidade e experiências dos desenvolvedores e usuários. #basta de colocar populações inteiras sob risco!

  3. O Doria vai obrigar os paulistas a tomar a vacina chinesa!
    Os paulistas aceitaram passivamente o encarceramento, por qual razão não tomariam a vacina?
    Dá-lhe Doria, São Paulo te pertence!

  4. Pergunta-se a essa figura lamentável se a iniciativa do fabrico dessa vacina chinesa foi de quem? Foi do governo federal? Não. A iniciativa foi do governo do estado de S.Paulo então que arquem com todos os custos. É como entendo sobre esse assunto.

  5. É o famoso Ditadória , ninguém pode obrigar as pessoas a nada nós não estamos numa ditadura, principalmente esta vacina arranjada às pressas e com um agravante, é chinesa .

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site