Defesa de Jefferson pede autorização a Moraes para se encontrar com ex-deputado

Ministro proibiu a visita dos advogados do ex-presidente do PTB

A Oeste depende dos assinantes. Assine!

-Publicidade-
No sábado 22, Moraes ordenou o restabelecimento da prisão preventiva de Jefferson
No sábado 22, Moraes ordenou o restabelecimento da prisão preventiva de Jefferson | Foto: Reprodução/TV PTB

O advogado Luiz Gustavo Pereira da Cunha, que faz a defesa do ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB-RJ), pediu permissão ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), para se reunir com o ex-parlamentar.

“Requer-se, em caráter de urgência, a autorização para utilizar a sala reservada localizada na Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira (Bangu 8), sendo respeitada a ordem de chegada, de modo a viabilizar o exercício amplo da defesa do Sr. Roberto Jefferson Monteiro Francisco e o direito de acesso aos seus advogados, indispensável à administração da Justiça”, informou a defesa do ex-deputado a Oeste.

No sábado 22, Moraes o ordenou o restabelecimento da prisão preventiva de Jefferson. O magistrado enviou a Polícia Federal (PF) até a casa do ex-deputado no domingo 23. Na decisão, Moraes argumenta que Jefferson descumpriu as medidas cautelares impostas a ele. O ex-deputado estava em prisão domiciliar, com tornozeleira eletrônica, desde janeiro deste ano.

-Publicidade-

“Diante do exposto, em face do reiterado desrespeito às medidas restritivas estabelecidas, restabeleço a prisão de Roberto Jefferson Monteiro Francisco, a ser efetivada pela Polícia Federal”, decidiu Moraes. “Ele deve ser recolhido, imediatamente, ao estabelecimento prisional.” O ministro ainda ordenou a busca e apreensão na casa de Jefferson.

No documento, o ministro proibiu o ex-parlamentar de receber a visita dos advogados. Desse modo, a defesa deveria solicitar judicialmente à Suprema Corte. “Fica o denunciado proibido de conceder qualquer entrevista ou receber quaisquer visitas no estabelecimento prisional”, argumentou a determinação de Moraes. “Salvo mediante prévia autorização judicial por este STF, inclusive no que diz respeito a líderes religiosos, familiares e advogados.”

Contra Moraes, OAB se manifesta

Hoje, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) defendeu o acesso dos advogados a Jefferson. “A OAB reconhece a gravidade dos atos de Roberto Jefferson, tanto que foi determinada a abertura de um processo ético-disciplinar que pode até mesmo cassar o registro dele na OAB”, disse o presidente nacional da OAB, Beto Simonetti, em nota. “No entanto, todas as pessoas têm direito a uma defesa qualificada, o que implica poder ser visitado, no estabelecimento prisional, por suas advogadas e advogados.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

8 comentários Ver comentários

  1. para visitar o ex presidiario em curitiba não precisava de autorização era a casa da mãe joana, o L adrão tinha regalias e ainda tem nessa republica de bananas, todos os poderes se calam as leis no Brasil estão no esgoto.

    1. Até quando, nós brasileiros de bem vamos ficar assistindo os ministros do stf/tse, minúsculo mesmo, rasgando a constituição, mandando e desmandando neste país e o presidente de senado não toma nenhuma medida para interromper essas barbaridades. Vamos torcer para que o próximo presidente do senado tomem às medidas necessárias para expulsar a maioria dos iluministros.

  2. A Oab tá atrasada faz um tempão. Por que nao se manifestou antes sobre o processo e a prisão ilegais do Jeferson? O homem tem sido esfolado em praça pública, na cara de todo mundo, há tempos. Agora que ele, transtornado, fez merda e acabou por se desgraçar de vez, aparecem para proteger e punir. Nao defendo de forma alguma o que ele fez, mas tava desenhando um desfecho desses.

  3. ALGUÉM PODE EXPLICAR O POR QUÊ E ONDE ESTÁ NA LEI , O FATO DE ROBERTO JEFFERSON ESTAR SENDO JULGADO PELO STF E O ADVOGADO NECESSITAR SOLICITAR AUTORIZAÇÃO AO MINISTRO ALEXANDRE DE MORAES PARA VER O SEU CLIENTE?

  4. A OAB só não cassa direitos dos criminosos de esquerda. Mas impedir o advogado de ter acesso ao cliente é cada vez mais surreal, por decisão de uma corte eleitoral.

  5. Óia…..que coisa mais ilegal….pode proibir o advogado de entrar no presídio ?

    Acho que o rapaz supremo tá com medo da cartinha esclarecedora que o Bob pode entregar para o advogado levar para a imprensa.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.