Eles gastam, você paga

Enquanto 9,3 milhões de trabalhadores tiveram salários suspensos ou reduzidos em até 75%, o Congresso recebeu antecipação de metade do 13º
-Publicidade-
Deputados comemoram vitória de Rodrigo Maia | Foto: FÁBIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL
Deputados comemoram vitória de Rodrigo Maia | Foto: FÁBIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL | Deputados comemoram vitória de Rodrigo Maia | Foto: FÁBIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

Enquanto 9,3 milhões de trabalhadores tiveram salário suspenso ou reduzido em até 75%, o Congresso recebeu antecipação de metade do 13º

eles gastam
Entre os privilégios mantidos pela classe política brasileira estão a verba mensal de gabinete 
Foto: FÁBIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

A folha de pagamento de junho informa que cada deputado e senador recebeu R$ 50 mil bruto naquele mês. Em síntese, é a soma da remuneração mensal mais a antecipação de metade da gratificação natalina, prática exercida pelo Congresso Nacional todos os anos, noticia o jornal Folha de S.Paulo.

-Publicidade-

Saiba quanto custa um Rodrigo Maia

Enquanto isso, 9,3 milhões de trabalhadores da iniciativa privada tiveram o salário suspenso ou reduzido em até 75%. Contudo, nenhum benefício dos parlamentares foi cortado, graças aos ministros do Supremo Tribunal Federal, que proibiram a tesourada nas mordomias concedidas ao funcionalismo público.

Entre os privilégios mantidos pela classe política brasileira estão a verba mensal de gabinete, de R$ 111 mil, e o cotão, que varia entre R$ 30,7 mil a R$ 45,6 mil, para gastos com alimentação, transporte etc. Além disso, os congressistas dispõem de outras benesses que são prerrogativa do cargo de parlamentar.

E o presidente do Senado? Quanto custa?

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. O drama tragicômico da sociedade brasileira: “Somos bons eleitores de políticos ruins”. Fomos nós que colocamos essa turma lá onde está. Somos nós que aturamos tanta desfaçatez. É nossa a elite cultural(refém da esquerda) que tolera e apoia seus políticos patrocinadores. É nossa a imprensa calada, omissa e conivente que coloca editores de política alienados da realidade . Somos nós. Nós somos eles! Eles são apenas o nosso reflexo.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.