-Publicidade-

Em 12 meses, Alesp gasta R$ 1 bi com folha de pagamento dos funcionários

Quantia anual dedicada ao pessoal ativo equivale a R$ 7,3 milhões por parlamentar
O Plenário Juscelino Kubitschek, da Alesp
O Plenário Juscelino Kubitschek, da Alesp | Foto: Divulgaçã/Alesp

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) gastou R$ 959,2 milhões com a folha de pagamento dos funcionários entre setembro de 2019 e agosto de 2020. O valor consta no relatório de gestão fiscal do segundo quadrimestre do ano passado, o mais atual disponível até o momento. O gasto com aposentados, pensionistas e inativos consumiu 28,7% do total: R$ 275,9 milhões. A menor parte, R$ 5,5 milhões, serviu para cobrir os custos com demissões, decisões judiciais e outros. O maior montante, R$ 683,3 milhões, foi destinado aos servidores ativos concursados e comissionados (de livre nomeação).

A quantia anual dedicada ao pessoal ativo equivale a R$ 7,3 milhões por parlamentar. Existem 94 deputados estaduais na Alesp — no dia 15, segunda-feira, um deles será eleito presidente da Casa.

Leia também: “Alesp gasta mais de R$ 800 mil com reforma de garagem”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.