Entrega final do relatório da CPI da Covid é adiado

Leitura deveria ocorrer na terça-feira 19, mas vai ficar para a próxima semana, dia 26
-Publicidade-
A decisão do adiamento foi do presidente da CPI, o senador Omar Aziz
A decisão do adiamento foi do presidente da CPI, o senador Omar Aziz | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

A leitura do do relatório final da CPI da Covid foi adiada. A informação foi confirmada pelo Senado Federal. A leitura deveria ocorrer na próxima terça-feira 19, no entanto, a programação foi modificada.

No lugar, os senadores vão ouvir Elton da Silva Chaves, representante do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde, cujo depoimento estava previsto para segunda 17.

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid, informou que a decisão de adiamento foi do presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM).

-Publicidade-

“A decisão não foi minha, foi do presidente, senador Omar. E eu concordo. Teremos mais tempo para discutir melhor o parecer e encaminhar melhores soluções. Acho que isso ajudará bastante no debate, dará mais tempo”, afirmou Renan ao portal G1.

O relator informou ainda que apresentará a versão do relatório ao chamado G7 da CPI, grupo majoritário da comissão, antes de submeter o documento ao plenário.

De acordo com o presidente da CPI, Omar Aziz, em entrevista à CNN Brasil, a entrega final do relatório de mil páginas deverá ficar para o dia 26 de outubro. “Será o tempo suficiente para se aprofundar no relatório”, disse.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.