Ex-diretor da Saúde preso por Omar Aziz paga fiança e é solto

Roberto Ferreira Dias supostamente cometeu o crime de perjúrio
-Publicidade-
Dias foi exonerado depois de suspeita de corrupção
Dias foi exonerado depois de suspeita de corrupção | Foto: Wallace Martins/Estadão Conteúdo

Roberto Ferreira Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, deixou as dependências da Polícia Legislativa do Congresso Nacional, depois de pagar fiança de R$ 1,1 mil. O executivo foi preso na noite da quarta-feira 7, a pedido de Omar Aziz, presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19. Dias supostamente mentiu à CPI, o que caracteriza crime de perjúrio (quando alguém viola o juramente de falar a verdade).

Dias deixou o parlamento ontem por volta das 23h50, acompanhado da advogada. Antes de ser detido, ele negou ter pedido propina de US$ 1 dólar por dose da vacina da AstraZeneca. Luiz Paulo Dominghetti, suposto representante de uma intermediária da farmacêutica no Brasil, denunciou o ex-secretário da Saúde, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo. O laboratório AstraZeneca, porém, salientou que trata diretamente com governos.

Leia também: “Circo Parlamentar de Inquérito”, reportagem publicada na Edição 61 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

9 comentários

  1. Prestem atenção no quanto a TV Senado irá aumentar a audiência no dia de hoje. Foi uma atitude inócua desse patife desse senador e o máximo que causou foi uma revolta contra si e talvez de seus eleitores e um prejuízo temporário de sua vítima em R$ 1.100,00 e também um pequeno contratempo a essa vítima. Deverá pagar por sua atitude estúpida.

  2. Omar, a justiça tarda mas não falha:logo, logo vc será preso repetidas vezes, ao longo dos anos, sem ter sossego, pela verdadeira Polícia: A Polícia Federal.Que você viva muito para poder passar por todos estes momentos vergonhosos aqui ou que se exile, como o ladrão que é, fora do Brasil.

  3. Essa prisão demonstra que a esquerda é autoritária e não admite o contraditório – “fala o que quero ouvir ou será preso.”. Isto que fizeram com o depoente é tortura. Os dois não são santos, mas acreditar na conversa de um para prender o outro é um absurdo. No máximo deveriam fazer uma acareação.

  4. Todo mundo vendo, todo mundo sabendo e nada sendo feito. Está nítido o que estão fazendo com o Brasil, se não colocarem o voto auditável para o ano que vem, não vai adiantar nada o “eu autorizo”, “as 4 linhas da constituição”, “vamos para o vale tudo” etc., meu temor é que o próprio Bolsonaro se desmoralize, entre as mitadas que fala e a ação, que já está na hora de acontecer contra os que tentam destruir o Brasil a todo custo. A ação da prisão e a fala contra o exército feita pelo Omar Aziz, associado a campanha dos ministros do STF pela não aprovação do voto auditável, demonstra claramente que não se tem mais medo da população, do executivo e nem das forças armadas, até porque eles já fizeram e continuam fazendo de tudo, e até agora não sofreram nenhuma retalhação. Sejamos honestos, nada irá acontecer com eles, já com o Brasil pode acontecer de tudo, inclusive virar a Argentina.

  5. SUGERE-SE QUE OS RESPONSÁVEIS PELA CONDUÇÃO DESSE CIRCO DE QUINTA CATEGORIA COMECEM A MUDAR O ENREDO DA PANTOMIMA, POIS AQUELA QUE AÍ ESTÁ JÁ NÃO CONVENCE SEQUER CRIANÇA DE COLO. QUANTO PERDA DE TEMPO E DINHEIRO PÚBLICO!!! O BRASIL NÃO MERECE!!!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site