Juíza veta repasse de multas da Lava Jato para o combate da covid-19

De acordo com a decisão, caberá ao STF definir se os recursos da Lava Jato serão destinados ou não para o combate a covid-19
-Publicidade-
Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera | Foto: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL
Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera | Foto: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL | governo federal - contratações - profissionais da saúde - covid-19 - ministério da economia

De acordo com a decisão, caberá ao STF definir se os recursos da Lava Jato serão destinados ou não para o combate a covid-19

tratamento de câncer Lava Jato covid-19
Dinheiro seria investido no combate ao coronavírus | Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

A juíza substituta da operação Lava Jato na Justiça Federal em Curitiba, Gabriela Hardt, decidiu suspender a ação que destinava R$ 508 milhões para o combate a covid-19. O montante era proveniente de multas e acordos de leniência.

-Publicidade-

Leia mais: “Janaina Paschoal afirma que Sergio Moro se ‘vitimiza’”

A suspensão vale até que o Supremo Tribunal Federal (STF) decida se cabe à força-tarefa, ou não, decidir a destinação desses recursos. Até lá, o repasse às ações de enfrentamento à covid-19 fica paralisado.

A oferta do dinheiro segue recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Contudo, o governo acionou o STF para impedir que a operação Lava Jato defina a destinação dos recursos resultantes de multas (em condenações criminais) ou acordos de leniência ligados ao combate à corrupção.

O governo também pediu ao Supremo para determinar que verbas de dois processos da 13ª Vara Federal  sejam destinadas ao Tesouro Nacional sem “carimbo”. Ou seja, sem destinação pré-definida.

Leia também: “Para Luciano Huck, Felipe Neto é ‘voz corajosa nas redes’”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.