Marco Aurélio Mello decide adiar depoimento de Bolsonaro

Decisão vale até que o plenário do STF analise um pedido da AGU para que o presidente responda aos investigadores por escrito
-Publicidade-

Decisão vale até que o plenário do STF analise um pedido da Advocacia-Geral da União para que o presidente responda aos investigadores por escrito

Marco Aurélio Mello
Ministro do STF Marco Aurélio Mello | Foto: Fellipe Sampaio /SCO/STF

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, decidiu adiar o depoimento do presidente Jair Bolsonaro no inquérito que apura interferência na Polícia Federal. A informação é da CNN Brasil.

-Publicidade-

A decisão vale até que o plenário da Corte analise um pedido da Advocacia-Geral da União para que o presidente responda aos investigadores por escrito.

A PF havia intimado Bolsonaro a depor presencialmente entre os próximos dias 21 e 23 de setembro.

Segundo a emissora, o caso ainda não chegou a Marco Aurélio Mello, mas a decisão de congelar o caso já estaria tomada.

LEIA MAIS: Com aval de Bolsonaro, relator do Orçamento vai propor programa social

Marco Aurélio herdou o inquérito porque o responsável pelo caso, ministro Celso de Mello, está de licença médica. O presidente teria que ser ouvido pessoalmente porque o decano da corte negou a possibilidade de depoimento por escrito.

A investigação apura declarações do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, de que Bolsonaro teria tentado interferir na PF.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários Ver comentários

  1. O que me chamou à atenção, foi o Marco Aurélio de Mello ser sorteado desta vez. Não me recordo de nenhuma vez que isso ocorreu. Por que o caso não caiu para os três de sempre? Para mim isso está cheirando é um um acordo para pôr panos quentes no assunto e encerrar a palhaçada daquele velho cagão, o juiz de merda.

  2. Tenho a remota esperança de que ele, juntamente com Fux, esteja tentando resgatar um mínimo de dignidade para essa corte tão vergonhosamente ativista.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.