Moraes bloqueia conta bancária da mulher de Daniel Silveira

Paola da Silva divulgou caso nas redes sociais; advogado afirma que defesa não foi informada sobre o motivo do bloqueio
-Publicidade-
O deputado federal Daniel Silveira e sua mulher, Paola da Silva | Foto: Reprodução/Instagram
O deputado federal Daniel Silveira e sua mulher, Paola da Silva | Foto: Reprodução/Instagram

A advogada Paola da Silva, mulher do deputado Daniel Silveira (PTB-RJ), disse que suas contas bancárias estão bloqueadas. Segundo ela, trata-se de uma decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Isso é inaceitável e extremamente ilegal”, publicou Paola, no Twitter, neste sábado, 4. “Simplesmente não estou acreditando.” Segundo Paulo Faria, advogado de Daniel Silveira e de Paola, a defesa não foi informada sobre o motivo do bloqueio, tampouco teve acesso à decisão do magistrado.

Faria disse que “foi feita uma limpa” na conta de Paola. O advogado anunciou estar tomando as providências para reaver o dinheiro de sua cliente.

-Publicidade-

Daniel Silveira

O deputado federal foi preso em fevereiro do ano passado no inquérito das supostas fake news e dos atos antidemocráticos. Neste ano, Silveira recebeu um indulto do presidente Jair Bolsonaro. Contudo, o ministro do STF Alexandre de Moraes vem impondo multas em virtude de supostas violações de Silveira às determinações do STF. Atualmente, o parlamentar é candidato ao Senado.

Leia também: “O Congresso em xeque”, reportagem publicada na Edição 106 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.