-Publicidade-

Movimentos do Centrão por liderança do governo geram desconforto

Especulações sobre substituição de Vitor Hugo por Ricardo Barros na liderança do governo na Câmara incomodam alguns governistas
ricardo barros

Especulações sobre substituição de Vitor Hugo por Ricardo Barros na liderança do governo na Câmara incomodam alguns governistas. Movimentos são vistos como uma cobiça do Centrão

ricardo barros - liderança do governo
Deputado Ricardo Barros (PP-PR), ex-ministro da Saúde, é especulado dentro do Centrão como sucessor de Vitor Hugo (PSL-GO)

As especulações envolvendo a substituição do deputado Vitor Hugo (PSL-GO) por Ricardo Barros (PP-PR) na liderança do governo na Câmara geraram desconforto no Executivo. Interlocutores da articulação política associam as notícias vazadas à imprensa a um movimento do Centrão pelo posto.

Os governistas, no entanto, não cogitam uma ofensiva contra o Centrão. Consideram que o próprio presidente Jair Bolsonaro vem dando os sinais necessários para assegurar a permanência de Vitor Hugo, conforme mostrou Oeste. Na quinta-feira, 23, por exemplo, o líder participou da tradicional live.

Em caráter reservado, membros do governo avalia, contudo, que incomoda as especulações. E não negam suas opiniões pessoais sobre uma possível substituição de Vitor Hugo. “Não sei o que a liderança ganharia com isso agora”, pondera um interlocutor na Câmara. “Não seria positiva a ida do Ricardo Barros agora”, analisa outra fonte, do Palácio do Planalto.

Alinhamento

A análise dos governistas ouvidos é que a liderança desempenha um bom trabalho, em alinhamento ao que cobra Bolsonaro. “Não vejo o que o Ricardo tem a agregar no trato sobre a reforma tributária, por exemplo”, avalia outro interlocutor.

Em comum, todos os governistas avaliam que os movimentos do Centrão são os mesmos que sugerem a saída do ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello. “A ideia nunca foi ele ser permanente. Por enquanto, ele fica, e fica a contento”, sustenta um dos interlocutores.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.