O Ciro Gomes que condena indulto é o mesmo que esconderia Lula em embaixada

Cacique do PDT disse, em 2016, que ajudaria o ex-presidente caso ele fosse 'vítima de uma prisão arbitrária' pela Operação Lava Jato    
-Publicidade-
Em 2016, Ciro Gomes, vice-presidente do PDT, classificou as prisões temporárias como uma espécie de tortura, para obrigar os presos a fazerem as delações premiadas | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Em 2016, Ciro Gomes, vice-presidente do PDT, classificou as prisões temporárias como uma espécie de tortura, para obrigar os presos a fazerem as delações premiadas | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) foi uma das siglas que impetraram ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o indulto dado pelo presidente Jair Bolsonaro ao deputado Daniel Silveira (PTB-RJ). O parlamentar foi condenado por críticas aos ministros da Corte.

Segundo o partido, houve desvio de finalidade na concessão da graça presidencial.

Apesar do discurso contra o benefício, em 2016 Ciro Gomes, vice-presidente do PDT, afirmou expressamente que, se o ex-presidente Lula fosse preso pela Operação Lava Jato, esconderia o petista em uma embaixada.

-Publicidade-

“Quero me voluntariar para formar um grupo, com juristas nos assessorando, que, se a gente entender que o Lula pode ser vítima de uma prisão arbitrária, a gente vai lá e sequestra ele e entrega numa embaixada. Isto eu topo fazer”, disse Ciro, ao jornal O Globo.

O ex-ministro de Lula, à época, classificou as prisões temporárias como uma espécie de tortura, para obrigar os presos a fazerem as delações premiadas. A condução coercitiva de Lula, para ele, foi um ato descabido e criminoso, já que o ex-presidente nunca se negou a comparecer para depor e prestar esclarecimentos sobre as denúncias.

Lula foi preso, em 2018, pelo então juiz federal Sergio Moro pelos escândalos de corrupção envolvendo propinas na compra de um tríplex no Guarujá, em São Paulo. Ele foi solto em novembro de 2019, depois de o Supremo Tribunal Federal ter decidido, por 6 votos a 5, que um condenado só pode ser preso após o trânsito em julgado da sentença, ou seja, quando não há mais possibilidade de recurso.

Ao comentar o benefício concedido ao deputado Daniel Silveira, Ciro Gomes afirmou que Bolsonaro transformou o dispositivo em “desgraça institucional”.

“Acostumado a agir em território de sombra entre o moral e o imoral, o legal e o ilegal, Bolsonaro acaba de transformar o instituto da graça constitucional em uma desgraça institucional. Tenta, assim, acelerar o passo na marcha do golpe. Mas não terá sucesso”, disse o pedetista, em seu perfil no Twitter.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

9 comentários Ver comentários

  1. Se o povo antes de votar em Ciro,Renan,Dilma,lula,Jandira, Benedita,Humberto costa, kitari,freixo,frota,Molon,etc desse uma olhadinha na carteira de trabalho desta raça de inúteis para ver, se tem alguma anotação de trabalho.
    Ou se tiver por quanto tempo.
    São políticos profissionais uns mamando nas tetas do povo sem esclarecimento.
    Pois anotações criminais muitos tem,em seus currículos.
    Acorda pessoal.
    Vamos por está raça de inúteis para fora do nosso meio político.

  2. Material tendencioso com meias verdades e inverdades. Não existem mais compromisso com a verdade e simplesmente a verdade? Quando se fala sobre algo que não foi provado ou que foi provado o contrário, vc se refere a questão como suposta. Mas provavelmente alguém pagou pra não usarem os termos corretos. Jornalismo sem credibilidade

  3. Esse coronel do CANGAÇO, disse em 2018 que se perdesse a eleição para Bolsonaro, jamais se candidataria à Presidência novamente, possivelmente imaginando que o povo é idiota, e agora insiste em nos achar idiotas?

  4. Esse imbecilizado, fala grosso quando amparado por seguranças ou por trás de um microfone. Na realidade é fanfarrão, frouxo, borra botas, não sustenta nem o que come, quanto mais o que diz!

  5. Esse camarada vive disso !!! Não trabalha, não e exerce nenhuma atividade profissional e é eterno candidato a presidente ! Enquanto existir partido para pagar esse malandro, ele vai ficando por aí !!

  6. Não vale à pena comentar. Ciro é mais um apodrecido que ainda consegue falar. É cadáver! Só está em cena porque os partidos políticos se apoderam do dinheiro suado do povo, através do fundão eleitoral, para financiar esses defuntos..

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.