-Publicidade-

Pressionado, Doria recua e suspende aumento do ICMS

Decisão abrange alimentos, remédios e defensivos agrícolas
Em meio à pandemia, governador propôs aumentar impostos
Em meio à pandemia, governador propôs aumentar impostos | Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), suspendeu a mudança de alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre alimentos e remédios genéricos. A decisão foi anunciada na quarta-feira 6. Em síntese, as alterações, com redução de benefícios fiscais, significariam aumento da taxa em vários setores antes beneficiados. Em outubro de 2020, Doria conseguiu aprovar um pacote de ajuste fiscal que valeria a partir de 15 de janeiro deste ano, quando novas alíquotas de ICMS seriam praticadas. Dessa forma, alimentos básicos como carne, leite, vegetais e frutas sofreriam aumento de até 13% — medicamentos também poderiam ficar até 5% mais caros. Conforme noticiou Oeste, produtores rurais marcaram um “tratoraço” para hoje porque, além do aumento do preço dos alimentos e medicamentos, o setor perderia a isenção de 4,14% sobre o ICMS dos produtos agrícolas.

Leia também: “Depois de decretar a volta à fase vermelha, Doria viaja a Miami”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

8 comentários

  1. Como diz o dito popular “Supremo é o povo!”. Nada como uma pressão em cima desses tiranetes almofadinhas, que não sentem o calo apertar de verdade e não enxergam quem é que faz a economia girar! Esperamos ansiosamente o fim desastroso desse DesGoverno canalha! #ForaDoria

  2. Governadorzinho COVARDE e metido a esperto, achou que ia desarmar o movimento.
    O João Teimoso conseguiu disparar “o movimento nacional de volta às ruas!”
    Parabéns ao governador doriana que estabeleceu um marco já no início de 2021!
    Nosso Brasil só caminha com pressão popular!!!

  3. MAIS UM IMPOSTO do #JoazinhoDosImpostos NA COMPRA DE CARROS USADOS 👺👺👺 Imposto sobre carro usado vai aumentar 207% em janeiro
    Carga tributária do ICMS sofreu reajuste de 207% em carros usados. Aumento da alíquota do imposto no estado de São Paulo afetará até o setor de combustíveis

    O Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sofrerá reajuste e impactará a compra de veículos novos e até usados.

    A partir do dia 15 de janeiro, a carga tributária de ICMS para carros usados saltará de 1,8% para 5,53%. Apesar de parecer pouco, isso significa um salto de 207% no imposto. A medida faz parte do Decreto nº 65.253/2020 (Lei nº 17.293/2020), que articula o Pacote de Ajuste Fiscal do Estado de São Paulo, que promete elevar preços de uma extensa lista de produtos, dentre eles, carros novos e usados, por exemplo.

    A alteração ocorre na base de cálculo, isto é o preço do carro que consta em sua nota. Pela regra de hoje, utiliza-se 10% do valor do modelo para tributação dos 18% de ICMS. Contudo, a alíquota crescerá de 10% para 30,7%. Ou seja, a redução de 90% da base de cálculo diminuirá para 69,3%.

    Por exemplo, hoje o dono de uma loja de usados paga R$ 720 de ICMS em um carro de R$ 40 mil. Pois calcula-se 18% de R$ 4 mil (valor referente à 10% do base de cálculo do veículo). A partir da metade do mês, o lojista desembolsará R$ 2.210,4 de ICMS. Ou seja, 18% do valor referente a 30,7% (R$12.280) de R$ 40 mil.

    A mudança, no entanto, vale somente para lojistas de carros usados. O imposto não é calculado em vendas feitas por vendedores particulares.

    carros novos também passarão por reajuste de ICMS
    Carros novos também passarão por reajuste do ICMS – de 12% para 13,3% FCA/Divulgação
    Carros novos também ficarão mais caros
    Nesta mesma data, a porcentagem do ICMS sobre veículos novos também irá subir de 12% para 13,3%. Além disso, o etanol e matérias primas para fabricação de automóveis, como o aço, também sofrerão o mesmo reajuste. Portanto, preço final do carro 0 KM poderá ficar bem mais salgado do que se imagina, já que os aumentos de itens essenciais para sua fabricação estarão embutidos. https://jornaldocarro.estadao.com.br/carros/carros-novos-usados-mais-caros-sao-paulo-janeiro-2021/#:~:text=O%20Imposto%20sobre%20Circula%C3%A7%C3%A3o%20de,salto%20de%20207%25%20no%20imposto.

  4. MAIS UM IMPOSTO do #JoazinhoDosImpostos NA COMPRA DE CARROS USADOS 👺👺👺 Imposto sobre carro usado vai aumentar 207% em janeiro
    Carga tributária do ICMS sofreu reajuste de 207% em carros usados. Aumento da alíquota do imposto no estado de São Paulo afetará até o setor de combustíveis

    O Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sofrerá reajuste e impactará a compra de veículos novos e até usados.

    1. A verdadeira causa do regresso do Dória dos Estados Unidos foi que foi barrado na Inmigracao pois não é permitido chegar sem passar 10 días num país intermediário.

  5. Ele quer polêmica! É um marqueteiro para aparecer! Mas não se enganem, ele tem muito mais maldades na manga contra nós! Temos que pedir o impeachement dele nas ruas, antes que seja tarde!

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês