Projeto do partido Novo impede a liberação de presos durante a pandemia de coronavírus

A medida derruba cinco artigos da recomendação que o CNJ fez aos tribunais para que revoguem prisões provisórias
-Publicidade-
Foto: Divulgação/Flickr
Foto: Divulgação/Flickr | cadeia notícia-crime - ciro gomes - marcelo freixo - nikolas ferreira

A medida derruba cinco artigos da recomendação que o CNJ fez aos tribunais para que revoguem prisões provisórias

Liberar presos não é a saída, escreveu um dos coautores da proposta| Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
-Publicidade-

Em 17 de março deste ano, o presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, recomendou aos juízes brasileiros que avaliem, caso a caso, a possibilidade de revogação de prisões provisórias de detentas que sejam gestantes, lactantes, presos com deficiência, idosos e outros que se enquadrem no grupo de risco do coronavírus.

Para se contrapor à recomendação, o partido Novo apresentou na quinta-feira 1 o Projeto de Decreto Legislativo n. 135/2020. A medida susta os efeitos de cinco artigos da decisão do CNJ. “Criminosos do PCC buscarão se beneficiar da situação de pandemia da covid-10 para obter a liberação de membros da facção”, escreveu no projeto o deputado federal do Novo Marcel Van Hattem (RS).

No texto, os parlamentares argumentam que, baseadas na recomendação do CNJ, inúmeras decisões de juízes e tribunais acabaram por colocar em liberdade diversos criminosos, como, por exemplo, no Rio Grande do Sul. Cerca de 3,4 mil detentos foram liberados no Estado desde o dia 17 de março de 2020, segundo um relatório do Ministério Público do Rio Grande do Sul.

“Entre os agraciados com a prisão domiciliar estão criminosos que cometeram delitos graves, como estupros, homicídios, feminicídios, latrocínios e inclusive um detento acusado de realizar ataques com ácido em pessoas na zona sul de Porto Alegre”, informa o projeto do partido Novo.

Vinicius Poit, um dos parlamentares que assinou a proposta, foi às redes sociais. “Por causa do coronavírus, o CNJ recomendou a liberação de presos, só que eles estão saindo da cadeia e cometendo novos crimes! A bancada do Novo apresentou o PDL 135/2020 para barrar artigos desta recomendação. Soltar criminosos não é a solução para crise”, escreveu Poit no Twitter.

Leia o projeto do Novo

Projeto de Decreto Legislativo n. 135/2020 by Revista Oeste on Scribd

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Isso só poderia ter partido de um desqualificado como o Toffoli. Basta ver uma das suas últimas defecações orais: ” Nem isolamento horizontal, nem vertical. Façam o diagonal” (não é piada não. Ele falou isso mesmo). Rrsrsrss

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site