Secretário de Doria afirma que vai recorrer de decisão de sindicatos

Professores conseguiram liminar da Justiça contra a volta às aulas presenciais
-Publicidade-
Governador
Governador | Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

O secretário estadual da Educação de São Paulo, Rossieli Soares, informou nesta quarta-feira, 10, que a gestão tucana vai recorrer da decisão que atendeu a seis sindicatos de professores. Conforme noticiou Oeste, Simone Gomes Rodrigues Casoretti, juíza da 9ª Vara de Fazenda Pública, proibiu o governo estadual de realizar atividades presenciais com a convocação de professores nas fases vermelha e laranja do plano de contingência da covid-19. O entendimento vale para os filiados das entidades sindicais que ingressaram com a ação na Justiça, das escolas de educação básica do Estado, públicas ou privadas, estaduais ou municipais. “Estamos recorrendo das decisões. Seguiremos com as atividades normalmente. Estamos discutindo, diariamente, o que será feito no futuro”, declarou Soares.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.