Sem base jurídica, PT estuda pedir impeachment de Jair Bolsonaro

Partido quer adotar o caminho do “golpe”, que tanto criticou no passado após a saída de Dilma Rousseff. Senha foi dada pelo ex-presidiário Lula
-Publicidade-
Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva speaks at the metallurgical trade union while the Brazilian court decides on his appeal against a corruption conviction that could bar him from running in the 2018 presidential race, in Sao Bernardo do Campo, Brazil January 24, 2018. REUTERS/Leonardo Benassatto NO RESALES. NO ARCHIVES
Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva speaks at the metallurgical trade union while the Brazilian court decides on his appeal against a corruption conviction that could bar him from running in the 2018 presidential race, in Sao Bernardo do Campo, Brazil January 24, 2018. REUTERS/Leonardo Benassatto NO RESALES. NO ARCHIVES

Partido quer adotar o caminho do “golpe”, que tanto criticou no passado após a saída de Dilma Rousseff. Senha foi dada pelo ex-presidente Lula

Petistas querem ingressar com pedido tresloucado de impedimento contra presidente | Foto: Divulgação
-Publicidade-

Como se sofresse de um processo de amnésia coletiva, a executiva nacional do PT começou a discutir, durante esta semana, a possibilidade de ingressar com um pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro. A hipótese foi levantada pela presidente do partido, a deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), e já é endossada pelo ex-presidente e ex-presidiário Lula.

Na semana passada, Lula defendeu esse movimento durante entrevista com o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad. Nesta quinta, 2, o ex-presidente voltou a tocar no assunto em outra entrevista a uma rádio mineira. Para a tresloucada investida, o PT pretende contratar o escritório Aragão e Ferraro Advogados, do ex-ministro da Justiça de Dilma Rouseff Eugênio Aragão. A ideia é investigar quais supostos crimes Bolsonaro cometeu (se é que existe algum) para embasar um patético pedido de impedimento presidencial. O escritório já trabalhou na defesa de Lula junto a processos do petista na Lava Jato.

MAIS: O impeachment Boitatá

RANDOLFE RODRIGUES: impeachment de Bolsonaro seria “irresponsabilidade atroz”

Oeste apurou junto a integrantes da executiva nacional que há uma mobilização intensa, principalmente da ala mais radical do partido, para que o PT assine quanto antes essa peça. Um deles admitiu em caráter reservado que “há muita pressão para que a executiva faça isso (endosse um pedido de impeachment)”. Uma decisão vai sair dentro de duas ou três semanas, a depender do embasamento técnico a ser decidido pelos advogados petistas.

O problema

Em caráter preliminar, os integrantes do partido acreditam que o presidente cometera crime de responsabilidade ao incentivar o chamado “isolamento vertical” durante a pandemia da covid-19 – destinado apenas às pessoas do grupo de risco. Outra possibilidade incipiente seria evocar o artigo 268 do Código Penal e tentar imputar ao presidente um suposto crime contra a saúde pública, pelo fato de Bolsonaro ter ido às ruas em meio à crise do coronavírus.

Um dos “gênios” por trás da medida é a presidente do PT, Gleisi Hoffmann | Foto: Rede Social

O problema do PT está justamente aí, conforme admitem os próprios membros do partido com que Oeste conversou. Até o momento, não há fundamento jurídico plausível que embase qualquer processo de impedimento presidencial. Outro gargalo do PT nessa missão suicida é a própria história do partido. Existem petistas, os mais moderados, que fazem a seguinte pergunta: “Se chamamos o afastamento de Dilma de ‘golpe’, como agora vamos defender o afastamento do presidente?”.

O partido vai aguardar o resultado dessas “investigações” para decidir o que fazer: se vai passar vergonha mais uma vez ou se a sensatez vencerá.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Oportunistas de plantão, aproveitam-se de uma tragédia para a autopromoção. CARONAVÍRUS é aquele que pega carona no vírus para se autopromover.?

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site