Sem máscara, Barroso adere à aglomeração em show de Bell Marques

Ministro do STF é um dos entusiastas das medidas de isolamento
-Publicidade-
Barroso participou de uma aglomeração em Brasília
Barroso participou de uma aglomeração em Brasília | Foto: Reprodução/Redes sociais

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), está bem mais tolerante com a pandemia. Se em 2020 chegou a ameaçar eleitores que ousavam desafiar as regras sanitárias — “Se o eleitor estiver sem máscara, ele não vai ser autorizado a entrar na seção eleitoral” —, agora o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) liberou geral.

Em vídeos publicados nas redes sociais, o magistrado aparece sem máscara ao lado do cantor Bell Marques, que foi contratado para fazer um show na cerimônia de encerramento do Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, realizado entre 22 e 25 de novembro.

O momento em que o ministro e o cantor se abraçam chegou a ser divulgado nas mídias sociais da Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (Anape), entidade responsável pela organização do evento. No entanto, depois da repercussão negativa, o material foi apagado. Oeste obteve acesso a fotos e vídeos que comprovam a presença de Barroso no local.

-Publicidade-

Entusiasta das medidas de isolamento social, o presidente do TSE foi apenas um dos convidados. Também participaram do congresso o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB); a ministra Cármen Lúcia, do STF; e o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins. O nome dos participantes pode ser consultado na página oficial do evento.

Barroso
Foto: Reprodução/Redes sociais
Barroso
Foto: Reprodução/Redes sociais
Barroso
Foto: Reprodução/Redes sociais
Barroso
Foto: Reprodução/Redes sociais
Barroso
Foto: Reprodução/Redes sociais
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

41 comentários Ver comentários

  1. Barroso é um sujeito muito delicado. Hoje mesmo falando em acabar com a liberdade de expressão e impor censura às redes sociais, disse que é preciso “acertar a dose”. E acertar na dose para “não matar a democracia”, diz ele com a coerência de uma Dilma, aliás, sua madrinha. Devia saber este senhor todo pomposo que o Brasil tem um único magistrado, aquele que o povo escolheu pelo voto direto e secreto. Seu papel, se possível e mentalmente for capaz, que se pronuncie nos autos.

  2. Quáquáquáquá!!!! Sensacional este furo de reportagem da Revista Oeste, mostrando a bizarrice total do ministro fala mansa aglomerando, dando beijinho e sem máscara no show de trio elétrico do Bell Marques e caindo na folia, soltando a franga. Afinal ninguém é de ferro, nem tudo é lacração no nosso. Aháháháháháhaaaa…risada escancarada do Carlos Alberto de Nóbrega da Praça é Nossa. Aliás, deles, da suprema.

  3. Além do Covid-19, ainda temos a pandemia da hipocrisia, da ditadura e do autoritarismo (só para a população em geral e algumas autoridades ligadas à ala da direita ou simplesmente de quem certas pessoas não gostam).

  4. Pois é, dá para acreditar na segurança das urnas eletrônicas do Barroso? Penso que, se os Ministérios da Defesa e da Ciência e Tecnologia não assumirem a gestão e desenvolvimento do software dessas urnas, com seus TIs juntamente com TIs independentes, afastando os técnicos do TSE, a população não vai ficar segura nos resultados e portanto vai sobrar para as Forças Armadas administrar possíveis e graves conflitos.

  5. Eles não estão nem aí…….sabem que mandam no pais…. e vão voltar ao poder com mais força, pois as “URNAS” já estão garantidas (não tem como auditar o voto)…….ou aqui alguém ainda tem duvida disso…..Voces acham que eles vão perder esse jogo no segundo tempo….(digo turno)…..depois de todo o “trabalho” que tiveram……Acorda Brasil

  6. Os hipócritas estão por todo lado, não só entre artistas e falsos magistrados como os do STF, pois ninguém fala nada sobre os jogos de futebol, lotados de gente sem máscaras.

  7. Hipócritas que se alimentam e alimentam os seus em suas bolhas de alienados, limitados e megalomaníacos indivíduos; não têm como agir diferente, são o que são!

  8. Essa bichona velha realizou um sonho que há muito tempo vinha alimentando, a saber…. sentar no colo do Bel. Uuuuuuiiiiii, o Lulu Bandeja se realizou.

  9. Verdadeiros hipócritas!!! Nunca foi pelo bem estar da população e sim, para atingir financeiramente o governo federal, de quebra o país. Essa Elisa Brom está em todas com seus tuítes polêmicos…. kkkk

  10. Hipocrisia do k-ralhooooo. Os únicos a usarem máscaras são os seguranças do evento. Mais uma prova de que estão testando a obediência cega de uma nação.

  11. Poderia até dizer que a loba esqueceu que era ministro do STF, que tem que ser imparcial e por isso não deveria ter um comportamento tão descontraído e com a franga solta, porque deveria julgar os embates mais importantes no país. Mas eu sei quem o colocou lá, e porque, então, ele não é juiz, apenas está ministro, sem moral, capacidade, credibilidade, e postura. Um caos.

  12. Advogado picareta de terrorista (alçado a juiz do $TF pela organização criminosa PT) na aglomeração “do bem”, num congresso de marajás do judiciário nacional, comendo e bebendo à custa do suor do trabalhador. Isso só prova que o povo brasileiro NÃO é pacífico… é OTÁRIO mesmo!!!

  13. Tá de sacanagem. Ministro do STF fazendo papel de político e, pior, na maior hipocrisia. Pediu votos pro Lesa-Pátria da Silva também ?
    Para o trem que eu quero descer.

  14. Eu não suporte gente que é fiscal de máskar4, por mim todo mundo já tinha arrancado esse treco fora. Maaaas nessas situações específicas, eu hei de dizer que não há como não fazer uma bela ressalva, seguida de um bom e sonoro PQP, perdão da palavra.

  15. Não sei não, mas o desprezo por essa gente só aumenta na população.
    Sabem que a despesa da União com o judiciário passa dos 100 bilhões de reais ao ano?
    Esta verba saí inteiramente dos impostos federais que pagamos.
    E eles nadando em salários desproporcionais, privilégios e mordomias sem fim.
    Se falamos qualquer coisa, aí é “atentado à democracia”

  16. A esquerda é isso, doutora cantora, ministro cantor. Um bando de gente frustrada, que odeia o trabalho que faz, que o faz exclusivamente por dinheiro, enquanto se ilude achando que teriam competência para qualquer outra coisa. E descarregam suas frustrações em lagostas, vinhos premiados e, no povo.

    1. São esses que estão a ditar regras normas a desrespeitar a C.F …. Não há adjetivos para qualificar um CANALHA como esse …. Acorda Brasil, acorda brasileiros, acorda pois , enquanto nós brasileiros não Ucranizarmos isso aqui continuará cada vez mais difícil 👍

  17. Safado, ordinário. É o fim, um executivo e as forças armadas de joelhos para o legislativo cheio de safados que come na mão do judiciário ditador e anticonstitucional. Aonde vamos chegar se não agirmos de fato, com a energia que o Brasil merece ?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.