Senado deve chancelar Fundeb articulado na Câmara

Programa de financiamento da educação, o Fundeb vence neste ano e existe um acordo para que a proposta passe pelo Senado logo após a aprovação da Câmara
-Publicidade-
Fundo financia a educação básica | Foto: Dênio Simões/Agência Brasília
Fundo financia a educação básica | Foto: Dênio Simões/Agência Brasília | Fundeb Senado

Programa de financiamento da educação, o Fundeb vence neste ano e existe um acordo para que a proposta passe pelo Senado logo após a aprovação da Câmara

Fundeb Senado
Fundo financia a educação básica | Foto: Dênio Simões/Agência Brasília
-Publicidade-

Está prevista para a próxima semana a votação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) pela Câmara dos Deputados. Contudo, já existe um acordo para que logo em seguida a proposta passe pelo Senado.

Instituído em 2006, o Fundeb é o principal fundo de investimentos na educação básica – o que inclui creches, pré-escolas, educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos (EJA). Só no ano passado, respondeu por cerca de R$ 6,5 de cada R$ 10 investidos nas escolas públicas brasileiras.

O atual programa vence neste ano e uma renovação precisa passar pelo crivo do Congresso.

Conforme apurou Oeste, devido ao limite do prazo para votação, senadores e deputados estão acordados sobre a matéria que irá para votação. “Essa discussão está bem fechada. Então existe um acordo para tão logo o texto passar na Câmara, votaremos no Senado”, afirmou o senador e vice-presidente da Frente Mista da Educação, Izalci Lucas (PSDB-DF).

De acordo com o tucano, o novo ministro da Educação, Milton Ribeiro, já está tomando conhecimento da proposta. Portanto, o novo Fundeb contará com apoio do governo. Milton tomou posse nesta quinta-feira, 16.

“Além do Fundeb, teremos diversas outras pautas da educação para avançar. Espero que com a chegada do novo ministro essas discussões sejam breves”, completou Izalci

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.