Uso de máscaras continua obrigatório até 31 de março em São Paulo, define Doria

Governador determinou ainda que eventos esportivos, musicais e festas sejam realizados com 70% do público
-Publicidade-
Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo
Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo | Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), definiu nesta quarta-feira, 12, que o uso de máscaras segue obrigatório no Estado até 31 de março. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa, realizada na sede do governo paulista.

As recomendações têm origem no Comitê Científico do Estado de São Paulo, que substituiu o Centro de Contingência da Covid-19. João Gabbardo, coordenador do grupo, transmitiu as novas ordens definidas pelo colegiado.

Para além do uso de máscaras

-Publicidade-

Doria determinou ainda que eventos esportivos, musicais e festas sejam realizados com 70% do público e mediante comprovante de vacinação. Nos estádios, a medida será aplicada a partir do dia 23 de janeiro.

“A sugestão do governo do estado para os municípios é que faça redução de 30% na capacidade de público nesses eventos, mas deixa em aberto que isso fica a critério dos municípios”, disse o governador de São Paulo.

Vacinação de crianças

O governo do Estado de São Paulo também anunciou o início do pré-cadastro para a vacinação de crianças de 5 a 11 contra a covid-19, que pode ser feito no site Vacina Já. A partir da chegada das doses em São Paulo, a vacinação se iniciará com crianças com comorbidades.

Leia também: “Prêmio Seringa Press 2021”, artigo de Guilherme Fiuza publicado na Edição 93 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.